A situação ainda é periclitante, mas a última rodada deu um novo gás para o América na luta contra a degola. Após o triunfo magro – mas fundamental – por 1 a 0 sobre a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, na terça-feira passada, o Coelho fará mais uma partida longe de seus domínios neste sábado (3), novamente longe de seus domínios, desta vez contra o Paraná, no Durival Britto, pela 14ª rodada da competição. Aliás, jogar fora de casa tem sido melhor para o time mineiro do que diante de sua torcida.

Considerando jogos na condição de visitante, o alviverde possui 38,1% de aproveitamento – são oito pontos conquistados em 21 disputados, fruto de duas vitórias, dois empates e três derrotas. Trata-se da nona melhora campanha como “forasteiro” em número de pontos. O líder dentre os visitantes é o Botafogo-SP, com 13 pontos (61,9%). O levantamento leva em conta os confrontos realizados antes do início da 14ª jornada. Os dois triunfos americanos, sobre CRB e Ponte Preta, angariados fora do Independência, são os únicos do Coelho na competição.

Já no Independência, a campanha é sinônimo de lástima: insossos 11,1% de aproveitamento (dois pontos), graças a dois empates e quatro derrotas. O América é a única equipe que ainda não ganhou na condição de anfitriã no torneio.

Na próxima rodada, o Coelho vai encarar um oponente difícil de ser batido dentro de casa. O Paraná é o décimo time que mais marcou pontos como mandante no campeonato. São 11 até o momento, após três vitórias, dois empates e apenas uma derrota. Será que o América vai emplacar, pela primeira vez nesta edição, seu segundo triunfo seguido? Façam suas apostas.

Treino

Os jogadores do Coelho passaram por um treino no CT do Caju, pertencente ao Athletico-PR, nesta quinta-feira (1). Depois de atividades físicas comandadas pelo preparador Gerson Rocha, o elenco fez trabalhos com foco em ajustes táticos e aprimoramento do passe. O alviverde volta aos treinamentos na manhã de hoje, no encerramento da preparação pra o duelo.