Um jogo tecnicamente fraco, mas que a partir da metade do segundo tempo fez o torcedor do América sentir o gostinho da vitória pela primeira vez em 2019. Assim pode ser traduzido o duelo do Coelho contra o Villa Nova na Arena Independência. Com os gols marcados por Júnior Viçosa, aos 20 minutos do segundo tempo, Marcelo Toscano, aos 35, e o golaço do lateral João Paulo, aos 41, o alviverde venceu por 3 a 0 e afundou mais ainda o Leão do Bonfim, que ainda não pontuou no Campeonato Mineiro.

Buscando a vitória para chegar aos quatro pontos e não se distanciar de Tupynambás e Cruzeiro, líderes com seis, o América fez muito diferente do que já havia apresentado na estreia em Poços de Caldas, quando empatou em 1 a 1 com a Caldense. Porém, como mandante nesta quinta-feira (24), a sorte foi outra.

Leia mais:
Próximo de acerto com o Inter, zagueiro Messias segue sem entrar em campo pelo América

O Villa, por sua vez, pouco trabalho deu à defesa dos donos da casa e, mais uma vez, deixa o campo no prejuízo. Antes de a bola rolar, o técnico Fred Pacheco fez mudanças em relação à estreia e promoveu as estreias dos meias Iuri e Diney. Contudo, o resultado esperado não veio.

Apesar de não ter comparecido em grande número no primeiro jogo do Coelho em 2019, a torcida fez barulho, empurrou os comandados do técnico Givanildo Oliveira e voltou para casa com o triunfo sobre o Leão do Bonfim.

Próxima rodada

Na próxima rodada, o América volta a campo para encarar o Tupi, novamente em Belo Horizonte. O duelo contra o Galo Carijó será às 17h de domingo. O Leão, que joga no mesmo dia, entra em campo às 16h e recebe o Guarani, de Divinópolis, em Nova Lima.

Com a vitória na segunda rodada do Campeonato Mineiro, o América subiu para a terceira colocação, com quatro pontos conquistados em seis disponíveis. O Villa, por sua vez, seguiu com a lanterna nas mãos e, na última colocação, terá que se redobrar para deixar a temida zona de rebaixamento.

Ficha Técnica:
América 3 x 0 Villa Nova

América: Fernando Leal; Leandro Silva, Diego Jussani, Paulão e João Paulo; Zé Ricardo, Juninho (Morelli), Matheusinho e Toscano; Berola (Felipe Azevedo) e Viçosa (Jonatas Belusso). Técnico: Givanildo Oliveira.

Villa Nova: Georgemy; Luís Felipe, Batista, Rafael Vitor e Eron (Danillo); Ramires, Roger Bernardo, Eurico (Pinguim) e Hiwri (Felipinho); Diney e Elias. Técnico: Fred Pacheco.

Gols: Júnior Viçosa, aos 20 minutos do segundo tempo, Marcelo Toscano, aos 35, e João Paulo, aos 41, para o América

Cartões Amarelos: Eurico e Luís Felipe (Vila Nova) ; Matheusinho (América)

Arbitragem: Felipe Fernandes de Lima, auxiliado por Luiz Antônio Barbosa e Pablo Almeida Costa, todos da Federação Mineira de Futebol (FMF)

Público e Renda: 2.779 pagantes | R$ 10.490,00