Depois de conquistar a primeira vitória na Série B no último sábado, fazendo 3 a 1 no CRB, em Maceió, e deixar a lanterna, o América entrará em campo nesta terça-feira (11) contra o Bragantino, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, às 20h30, com um outro objetivo: sair da zona de rebaixamento antes da parada para a Copa América.

Não será uma tarefa fácil, já que o Coelho enfrentará uma das sensações da competição. Com cinco pontos e na 18ª colocação, apenas a vitória permite ao América deixar a zona de descenso. O técnico Maurício Barbieri espera um duelo complicado contra um adversário que vem de três vitórias consecutivas.

“Acho que vai ser um jogo difícil. Eles vão tentar se impor, buscar o resultado desde o início e a gente não pode deixar. Precisamos mais uma vez seguros defensivamente, tentar impor o nosso jogo e aproveitar os espaços que eles vão oferecer”, destacou Maurício Barbieri.

Escalação

Em time que está ganhando não se mexe. A tendência é que o treinador americano repita a escalação da vitória por 3 a 1 sobre o CRB, no último sábado, no Estádio Rei Pelé, em Maceió. 

Um dos destaques do confronto contra os alagoanos foi o atacante Rafael Bilu, que marcou o primeiro gol com a camisa americana na única oportunidade que teve como titular. O meia Marcelo Toscano, que também começou jogando contra o CRB, também pode ter uma sequência entre os titulares. 

O América realizou apenas um treino antes do duelo contra o Bragantino. Na atividade leve, realizada em Itatiba, município localizado a 35 quilômetros de Bragança Paulista, o técnico Maurício Barbieri priorizou as jogadas de bolas paradas.