O técnico Givanildo Oliveira se emocionou ao receber o título de Cidadão Honorário de Belo Horizonte, na Câmara Municipal da capital mineira, na noite desta segunda-feira (29). Acompanhado da família, o treinador do América foi homenageado diante de torcedores americanos e outros convidados.

“Nunca tive um clube do coração, nem antes de ser jogador. Dizer que era Santa Cruz ou Náutico... Não, não era. Mas, por tudo que aconteceu e está acontecendo, hoje posso dizer que sou americano. E gostamos tanto de Belo Horizonte que até penso em ficar por aqui. Minha mulher (Helena) vem me pedindo para comprar um apartamento aqui, para ficarmos de vez”, revelou.

Pernambucano de Olinda, Givanildo trabalhou em Belo Horizonte pela primeira vez em 1997, quando levou o Coelho à conquista da Série B do Brasileirão. Atualmente, ele está na quarta passagem pelo clube alviverde, pelo qual foi ainda campeão da Série C (2009) e obteve o acesso à Primeira Divisão, no ano passado.

Givanildo Oliveira