A partida de estreia do América no Campeonato Mineiro, contra o Guarani, de Divinópolis, no último domingo, teve um sabor ainda mais especial para um de seus atletas. Ele começou no banco de reservas, mas teve oportunidade de entrar no decorrer da etapa final. Revelação americana, campeão e artilheiro da Taça BH de 2014, com nove gols, Sávio não escondeu a felicidade de ter feito sua primeira partida no profissional do clube.

“Foi incrível! É uma sensação única. Ainda mais jogar onde eu comecei a carreira. Muita gente não sabe, mas meu primeiro clube foi o Guarani de Divinópolis. Eu cheguei a morar debaixo da arquibancada do estádio. O mundo é pequeno, né! Veja só, fui fazer a estreia logo onde comecei. Então, a felicidade foi enorme. Por ser a estreia teve um pouquinho de nervosismo, mas depois que você pega na bola o nervosismo acaba e tem jogar e fazer o seu melhor em campo. Eu acredito que foi boa a estreia, apesar do empate. Creio que a equipe pode render muito mais, assim como eu também posso render muito mais do que fiz no jogo. Mas começo de temporada é assim. O próximo jogo já está aí e espero que possa entrar e colocar o que a gente vem treinando”, relata o jovem jogador.

A partida também marcou a estreia de cinco dos oito reforços do time alviverde para a temporada. Rubens, outro jovem campeão da Taça BH também entrou na etapa final.

Ao todo, 11 atletas da base foram promovidos ao elenco profissional do América em 2015. Segundo o treinador Givanildo Oliveira, eles terão oportunidade. "Estão (revelações da base) trabalhando para isso. Hoje tínhamos cinco da base do no banco. Tem que corresponder. Na medida em que for correspondendo vão ganhando o seu espaço", afirmou o treinador após a partida.