Com apenas dois pontos, o América amarga a lanterna da Série B. Um dos motivos para a fase negativa na competição é o fraco desempenho no segundo tempo das partidas. Dos sete gols sofridos no campeonato, seis foram na etapa final - todos depois dos 15 minutos. 

Contra Operário, Botafogo-SP, Sport e Brasil de Pelotas os gols levados decretaram a vitória dos adversários. Diante do Coritiba, na última segunda-feira (02), no Independência, o América desperdiçou a oportunidade de vencer pela primeira vez na competição e acabou levando o empate no segundo tempo. 

O atacante Felipe Azevedo acredita que a equipe fica abalada psicologicamente quando sofre algum gol. “Nos cobramos muito e, na hora de entrar em campo, também reforçamos isso, de jogarmos mais ligados e não sermos displicentes. Mas é detalhe que faz a diferença. Temos que sanar os erros que cometemos”, destacou Felipe Azevedo. 

O próximo desafio Coelho será neste sábado, às 20h30, contra o CRB, no estádio Rei Pelé, em Maceió. A equipe alagoana ocupa a quinta colocação com 10 pontos.   

 

Confira o tempo de jogo dos gols sofridos pelo América: 

1ª rodada: Operário 1 x 0 América – gol do adversário: 19 minutos do segundo tempo

2ª rodada: América 0 x 1 Botafogo-SP – gol do adversário: 45 minutos do segundo tempo

3ª rodada: Criciúma 0 x 0 América – gol: não sofreu gol

4ª rodada: América 1 x 2 Sport – gols do adversário: 46 e 49 minutos do segundo tempo

5ª rodada: Brasil de Pelotas 2 x 1 América – gols do adversário: 9 minutos primeiro tempo e 27 minutos segundo tempo

6ª rodada: América 1 x 1 Coritiba – gol do adversário: 15 minutos do segundo tempo