atlético, galo, cazares, independência

Após a vitória do Atlético por 2 a 1 sobre o Corinthians e com boa apresentação, o meia equatoriano Cazares, um dos destaques do jogo do último domingo, no estádio Independência, disse que o time paulista "sempre quis" contratá-lo.

Apesar da declaração do meio-campista do Galo, o diretor de futebol corintiano, Duílio Monteiro Alves, negou que a equipe paulista mantenha interesse no jogador.

“Posso garantir que Cazares não interessa e não virá ao Corinthians. Tinham nomes que o Carille tinha passado e que não interessam mais ao clube. Por isso, dos muitos nomes que já foram ventilados, o Corinthians não está atrás. É o caso do Cazares”, garantiu Duílio.

O nome de Juan Cazares foi ventilado algumas vezes como possível interesse do então técnico do Corinthians Fábio Carille. Entretanto, como o treinador não mais dirige o Timão - Tiago Nunes assumirá em 2020 -, essa eventual vontade corintiana em contar com o equatoriano ficou também no passado. 

Cazares chegou ao Atlético em 2016 e já tem 203 jogos pelo clube. O meia já marcou 41 gols com a camisa do Galo e persegue o recorde de estrangeiro artilheiro do clube. Para atingir esse feito precisa balançar as redes mais uma vez para ultrapassar o atual detentor da marca, o argentino Lucas Pratto.

O meio-campista já tem o recorde de jogador gringo que por mais vezes vestiu o manto alvinegro na história.