Uma decisão improvável. Neste sábado (9), Independiente Del Valle, do Equador e Colón, da Argentina decidem a Copa Sul-Americana, às 17h30, no estádio Nueva Olla, em Assunção, no Paraguai.

Apesar do inegável mérito das duas equipes ao alcançarem à final do torneio, a composição desta final pode ser considerada um capítulo frustrante para as equipes brasileiras que disputaram a competição.

Especialmente Atlético e Corinthians, que chegaram às semifinais e criaram a expectativa de fazer a primeira final brasileira da Sul-Americana.

Entretanto, mesmo com o poderio econômico, de investimento muito superiores aos dos adversários da semi, e a maior tradição no cenário internacional, os times tupiniquins não foram páreos para os rivais na fase que antecedia a finalíssima.

Mesmo decidindo a vaga na decisão no Mineirão, o Galo sucumbiu ao Colón na decisão de pênaltis, após devolver, no tempo normal, a derrota sofrida por 2 a 1 no jogo de ida.

Já o Timão, nem chegou a ameaçar o Del Valle. O time paulista perdeu por 2 a 0 em casa no jogo de ida, e empatou em 2 a 2 no Equador.

Atlético X Colón

Campeonato Brasileiro

A eliminação dos dois times brasileiros impediu o adiamento de dois dos maiores clássicos do futebol brasileiro, que serão disputados na 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Caso a decisão entre Atlético e Corinthians fosse concretizada, os duelos entre o Timão e Palmeiras, marcado para este sábado, às 19h, no Pacaembu, e entre Galo x Cruzeiro, que vai ser disputado neste domingo, às 16h, no Mineirão, teriam que ser adiados.