Aos 34 anos, Juanfran atuou pela primeira vez em uma equipe sem ser espanhola ao estrear pelo São Paulo na vitória por 1 a 0 sobre o Ceará, no domingo, no estádio do Morumbi, na capital paulista, pela 15.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jogador analisou a diferença do futebol praticado no Brasil para o europeu.

"Sensação diferente. O jogo é diferente, os treinamentos são diferentes. Aqui é muito mais longo. Na Espanha, são mais curtos e mais intensos. Na Europa, o jogo é muito mais elaborado, aqui é muito mais rápido, muito mais força, mais briga e eu gosto. Gosto porque eu venho de uma equipe que é de muita briga", analisou o lateral-direito ex-Atlético de Madrid.

Juanfran não jogava desde o dia 18 de maio. Após 11 dias de treinamentos no São Paulo, o lateral estreou como titular e atuou os 90 minutos da partida contra o Ceará. Além do ritmo de jogo, ele também sentiu a diferença de temperatura.

"Muito calor, o inverno na Espanha e na Europa é muito, muito frio, não há tanto calor, mas eu estava havia três meses sem jogar, desde que terminou o Campeonato Espanhol eu não tinha jogado, mas eu preciso de mais partidas para a cada rodada estar melhor. Estou muito contente que pude aguentar os 90 minutos e pudemos ganhar. É muito diferente o jogo aqui no Brasil, mais intensidade, na Espanha e na Europa é mais elaborado, aqui é mais direto, mais rápido, mas estou me adaptando rapidamente e fico muito contente", disse.

O lateral-direito ainda exaltou seu primeiro jogo pelo São Paulo. A partida contra o Ceará também marcou a estreia de Daniel Alves, que marcou o gol da vitória. "Uma estreia incrível, por jogar no Morumbi, um lugar especial. Na Espanha, o São Paulo é um grande, um campeão mundial, e poder jogar aqui foi um sonho, estou muito, muito feliz. Ganhamos, gol de Dani, estou muito feliz por ele, que merece pelo grande profissional que é, além de ser são-paulino. Foi um bom jogo, mas queremos seguir ganhando para continuar em cima e o São Paulo ser o melhor de todos", afirmou.

Juanfran defendia o Atlético de Madrid até o meio deste ano, quando acabou o seu contrato. Ele iniciou a carreira no Real Madrid e teve passagens por Espanyol e Osasuña, além de ter defendido a seleção espanhola.


Leia mais:
Daniel Alves estreia com gol e dá vitória ao São Paulo sobre o Ceará no Morumbi
São Paulo inicia venda de ingressos para possível estreia de Daniel Alves
Antes criticados, Raí e Lugano se fortalecem com Daniel Alves e Juanfran