Três dias após ser anunciado como técnico do Oeste, de Barueri, para a disputa do Campeonato Paulista, Marcelo Chamusca decidiu mudar o seu rumo e aceitou proposta para comandar o Vitória na temporada de 2019. O treinador foi anunciado oficialmente como novo técnico do time baiano após a queda no Brasileirão.

A direção do clube baiano priorizou o nome de Chamusca, de 53 anos, por ele já ter um perfil de acessos nas divisões do futebol brasileiro. O treinador também está marcado na história como o primeiro técnico a conseguir acesso em todas as divisões nacionais. Subiu com o Salgueiro, em 2013, da Série D para a Série C;, com o Guarani, em 2016, da Série C para a Série B; e com o Ceará, em 2017, da Série B para a Série A.

Além de chegar com a missão de recolocar o Vitória na elite do futebol nacional, Chamusca também tem bom retrospecto nos Estaduais, isso porque nos últimos dois torneios regionais que disputou, levou dois troféus. Foi campeão paraense com o Paysandu, em 2017, e cearense com o Ceará, em 2018. Seu último trabalho foi na Ponte Preta, este ano, durante a Série B. Dirigiu o time por apenas cinco jogos, sem nenhuma vitória - foram duas derrotas e três empates.

Chamusca não vai ter nenhuma dificuldade para se adaptar em Salvador, onde nasceu. Ele já trabalhou na categoria de base e como auxiliar-técnico do Bahia, rival do Vitória.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Marcelo Chamusca é o novo técnico do LEÃO! 🔴⚫️

Uma publicação compartilhada por Esporte Clube Vitória (@ecvitoriaoficial) em