Artilheiro da Era Felipão e do Cruzeiro na Série B do Campeonato Brasileiro, o jovem Airton atravessa uma ótima fase com a camisa estrelada e, com isso, se tornou um dos mais importantes jogadores do elenco. Com o gol marcado em cima do Figueirense, nessa sexta-feira (20), ele chegou a quatro bolas na rede pelo time. Infelizmente, a noite não foi coroada com uma vitória dos mineiros.

Em entrevista à TV Cruzeiro, Airton lamentou o empate em 1 a 1, mas se diz confiante na busca por um triunfo sobre a líder Chapecoense, na terça-feira (24), na Arena Condá, pela 23ª rodada.

“Fico feliz pelo gol, mas triste por não vencer. (Contra a Chape) vai ser um jogo difícil fora de casa, mas se trabalharmos bem vamos fortes para conseguir a vitória”, afirmou o avante.

Primeira colocada, com 47 pontos, a Chapecoense soma 13 vitórias, oito empates e uma derrota nesta Série B; o alviverde marcou 25 gols e sofreu apenas seis.

Cruzeiro

Boa fase

Os quatro tentos de Airton foram anotados sob o comando de Scolari: no 1 a 1 com o Náutico; no 1 a 0 sobre o Botafogo-SP; um dos dois gols no triunfo por 2 a 0 em cima do Paraná; e o mais recente ante o Figueira.

"Eu treino bastante e consegui reproduzir o gol dentro de campo. Me sinto muito tranquilo, é um trabalho em conjunto, e acredito que estamos melhorando aos poucos. Vamos ter sucesso no campeonato", afirmou Airton na saída do intervalo, ao canal Premiere.

E Felipão tem reconhecido o empenho e o faro de gol do avante. Nos seis jogos neste seu retorno à Toca, o técnico escalou o camisa 77 como titular nos quatro últimos embates.