O Atlético esteve muito perto de largar na frente da decisão do Campeonato Brasileiro Feminino A2. Em duelo disputado no estádio Nabi Abi Chedid, na tarde desta segunda-feira (30), o Galo dominou o Red Bull Bragantino, desperdiçou várias chances claras de gol, mas não conseguiu balançar as redes, e o placar terminou em 0 a 0. 

A melhor chance das Vingadoras ocorreu aos 35 minutos do primeiro tempo, quando a zagueira Flávia desperdiçou um pênalti, batendo por cima da meta defendida pela goleira Karol Alves.

Karol, inclusive, fez boas intervenções na partida e ainda contou com a sorte, quando Aninha acertou a trave, aos cinco minutos do segundo tempo. 

Dois minutos antes, o Massa Bruta chegou a balançar as redes com Taiane, mas a arbitragem anulou, assinalando impedimento. 

O jogo de volta está marcado para 7 de setembro, às 11h, no Independência. 

Quem vencer no tempo normal conquista o título. Um novo empate leva a decisão para os pênaltis. 

Vale lembrar que Atlético e Bragantino já estão garantidos na elite do futebol feminino no Brasil, assim como Esmac-PA e Cresspom-DF, os outros semifinalistas. 

Leia mais

Após 18 jogos, matemáticos apontam Galo com mais de 50% de chances de conquistar o Brasileirão

Atlético 2021 não conseguirá mais igualar ou superar o Galo 2012 no primeiro turno

Lance do jogo de ida da final do Brasileiro A2, entre Bragantino e Atlético