O Atlético encara o Cerro Porteño, do Paraguai, nesta terça-feira, às 19h15, no Mineirão, pela terceira rodada do Grupo H da Copa Libertadores, mostrando a força do seu grupo. E metade do time que fez 3 a 0 no Tombense, no último sábado, no Independência, no jogo de ida pelas semifinais do Campeonato Mineiro, não começa a partida diante dos paraguaios.

O setor mais atingido será a defesa. O goleiro Everson permanece e com ele segue na equipe apenas o zagueiro Junior Alonso. Na lateral direita, Guga dá lugar a Mariano. Igor Rabello entra na vaga de Réver e Guilherme Arana retorna na esquerda, com Dodô indo para o banco.

Allan volante AtléticoA vaga de Zaracho, machucado, ficará com Allan, que formará o trio de meio do Atlético com Tchê Tchê e Nacho

No meio, o argentino Nacho Fernández, poupado diante do Tombense, retorna para formar um trio com Allan e Tchê Tchê, que já tinham jogado no sábado.

Allan será assim o substituto do argentino Zaracho, que se machucou diante do América de Cáli, da Colômbia, na última terça-feira.

O quadrado do meio será desfeito, com Hyoran voltando para a reserva e Nathan cumprindo suspensão pela expulsão diante do América de Cáli.

Com a mudança de esquema, o ataque volta a ter um trio com o retorno de Keno, que foi poupado no último sábado e terá a companhia de Savarino e Hulk, este destaque mais uma vez no Independência, diante do Tombense,  com uma assistência, um pênalti sofrido que foi convertido por Guga e um gol.

Empolgação

O Cerro Porteño, que é comandado pelo ex-lateral Arce, que fez história no futebol brasileiro defendendo Grêmio e Palmeiras, vem de um resultado ruim na Libertadores, o empate sem gols com o La Guaira, na última quarta-feira, em Assunção, e de um muito bom no Campeonato Paraguaio, pois no último sábado fez 2 a 0 em clássico contra o Olimpia.

O time tem como goleiro Jean, que se destacou na última Série A do Campeonato Brasileiro defendendo o Atlético-GO.

No ataque, o argentino Mauro Boselli, ex-Corinthians, disputa posição com Robert Morales, sendo esta a única dúvida de Arce. O Cerro Porteño chegou no início da noite de ontem a Belo Horizonte.

A FICHA DO JOGO

ATLÉTICO
Everson; Mariano, Igor Rabello, Junior Alonso e Guilherme Arana;  Allan, Tchê Tchê e Nacho Fernández; Savarino, Hulk e Keno. Técnico: Cuca

CERRO PORTEÑO
Jean; Alberto Espínola, Juan Patiño, Alexis Duarte e Santiago Arzamendia; Enzo Giménez, Mathías Villasanti, Ángel Cardozo, Federico Carrizo e Claudio Aquino; Robert Morales (Mauro Boselli). Técnico: Francisco Arce

DATA: 4 de maio de 2021
HORÁRIO: 19h15
ESTÁDIO: Mineirão
CIDADE: Belo Horizonte
MOTIVO: Terceira rodada do Grupo H da Copa Libertadores
ARBITRAGEM: Nestor Pitana, auxilaido por Ezequiel Brailovsky e Gabriel Chade, todos da Argentina
TRANSMISSÃO: Fox Sports