Dos mais humildes aos sofisticados, é certo que a maioria dos bares, botecos e restaurantes de Belo Horizonte terá, nesta quarta-feira (24), ao menos um televisor ligado na decisão da Copa Libertadores. Aos torcedores que não conseguiram ingressos para ir ao Mineirão resta escolher um estabelecimento, perto ou longe de casa – não importa –, pois o que vale mesmo é um bom lugar pra reunir a Massa. 
 
Reduto de atleticanos, o Bar do Salomão existe há mais de 70 anos, na esquina da rua do Ouro com Amapá, no bairro Serra, e parece receber cada vez mais torcedores em dias de jogo do Galo. Na última partida do time pela Libertadores, cerca de 2 mil pessoas se amontoaram em torno das várias TVs dispostas na rua.
 
Tudo porque o fundador da casa, Salomão Jorge, já falecido, era torcedor fanático do Galo. A paixão dele passou para os filhos e netos, e o bar virou point dos torcedores do Atlético. Entre um lance e outro, o petisco mais consumido é o Arrumadinho à Galo e Golo (paleta de boi cozida picadinha, acompanhada de linguiça, feijão andu, mandioca cozida na manteiga de garrafa, pimenta biquinho e tempero da casa).
 
Na antiga casa, fotos de várias formações do alvinegro estão penduradas nas paredes. As mais velhas já estão amareladas, descascadas e empoeiradas, quase caindo, devido ao tempo de exposição. As mais novas são dos Campeonatos Mineiro de 2007 e 2010. A torcida é para que, até amanhã, um novo pôster seja pendurado entre as conquistas de outrora. 
 
Mesmo os bares sem tradição na concentração de torcedores para assistir aos jogos, entraram na lista, em busca de lucro com a festa alvinegra. É o caso de uma das mais conhecidas choperias do Brasil, Pinguim, no bairro Sion, que geralmente não “transmite” partidas das equipes mineiras.
 
“O jogo da Libertadores, com o Atlético representando o Brasil, é uma ocasião especial. Esperamos um aumento de 15% no público da casa em relação às demais quartas-feiras”, diz a gerente de marketing do Pinguim, Carolina Gonzalez Martini, que não quis correr o risco de ficar com a casa vazia durante a decisão. 
 
 
Para torcer longe do Mineirão
 
Bar do Salomão (reduto atleticano)
TVs e telões
Capacidade: tem recebido 2 mil torcedores, em média
Rua do Ouro, 895 – Serra
Telefone: 3221-5677
 
Choperia Pinguim 
Várias TVs
Capacidade: 450 pessoas
Rua Grão Mogol, 157 – Carmo Sion
Telefone: 3282-7736
 
Albanos Lourdes
Uma TV 
Capacidade: 80 pessoas
Rua Rio de Janeiro, 2.076 – Lourdes
Telefone: 3292-6221
 
Albanos Sion
TV e telão 
Capacidade: 220 pessoas
Rua Pium-í, 611 – Sion 
Telefone: 3281-2644
 
Piu Braziliano
Várias TVs
Capacidade: 200 pessoas 
Avenida Mário Werneck, 1.441 – Buritis
Telefone: 2526-8283
 
Bhar Savassi
TVs e 2 telões 
Capacidade: 300 pessoas
Entrada: R$ 10 (mulheres com camisa do Galo pagam R$ 5)
Rua Sergipe, 1.211 – Savassi
Telefone: 3082-9232
 
Butiquim São Bento
Várias TVs 
Capacidade: 150 pessoas
Rua Kepler, 131 – São Bento
 
Bar Temático
2 TVs 
Capacidade: 200 pessoas
Rua Perite, 187 – Santa Tereza
Telefone: 3481-4646
 
Espeto do Manuel
Várias TVs
Capacidade: 400 pessoas
Avenida Tancredo Neves, 4.273 – Castelo 
Telefone: 3476-4739
 
Juscelino Deck Beer
Várias TVs
Capacidade: 400 pessoas
Avenida Otacílio Negrão de Lima, 2.733 – Pampulha
Telefone: 3441-1306
 
Filé Espeto & Cia
Várias TVs
Capacidade: 700 pessoas
Avenida Fleming, 271 – Ouro Preto
Telefone: 3498-4554 

CCCP
Tela de cinema
Capacidade: 200 pessoas
Entrada: R$ 20
Endereço: Rua Levindo Lopes, 358 – Savassi
Telefone: (31) 3582-5628