O que era para ser um tuíte despretensioso de um perfil que aborda a temática futebol no Twitter acabou gerando uma certa polêmica entre o ex-meia cruzeirense Alex e um torcedor do Atlético nesta quarta-feira (15).

A conta denominada Futmais elogiou o ex-meia Alex citando a estatística de gols marcados pelo “Talento Azul”, que quando jogador fez 424 gols (os números oficiais apontam 423) somando os dados de todos os clubes que passou. E justamente nessa postagem do perfil esportivo um torcedor do Atlético contestou os números da carreira do ex-jogador.

“Nunca jogou em campeonato de alto nível nem copa mas blz (sic)”, postou o atleticano.

Ao responder o atleticano, Alex citou seus feitos por onde passou. Falou de desempenho na Liga dos Campeões quando atuou pelo Fenerbahçe, da Turquia, e citou também, dentre outros feitos, sua condição de melhor jogador do Brasil em 2003, quando venceu à Tríplice Coroa com o Cruzeiro.

“Vou te dar um dado. Fui melhor meia da Champions na temporada 07/08. Talvez seja de bom nível. Entrei no 11 ideal da América do Sul duas vezes. Talvez você ache a Libertadores bom nível. Fui considerado melhor jogador do Brasil em 2003. Talvez o Brasil fosse um nível de futebol”, respondeu com classe.

A resposta fez com que vários internautas manifestassem apoio ao ex-jogador, inclusive perfis de personalidades da internet comentaram a resposta de Alex.

Carreira

Alex começou a carreira no Coritiba (1995 a 1997), de onde saiu para o Palmeiras (1997 a 1999 e 2000 a 2001). Também jogou no Flamengo (2000), no Parma, da Itália (2002) e no Cruzeiro (2001 a 2002 e 2003 a 2004). O camisa 10 também atuou pelo Fenerbahçe (2004 a 2013) e depois retornou ao Coxa (2013 e 2014), onde encerrou a carreira.

cruzeiro, raposa, futebol, alex, alex talento, coritiba, fenerbahçe