Um dia após o terceiro amistoso contra a Eslovênia, disputado na noite da última e quarta-feira (25), o técnico da seleção brasileira masculina de vôlei Bernardinho anunciou nessa quinta-feira (26) o corte de três convocados: o ponta Lucas Loh, o levantador Rapha e o oposto Wallace Martins.

A maior surpresa foi a dispensa de Rapha antes mesmo da Liga Mundial. O levantador esteve no grupo que jogou o Mundial de 2014 e fez boa temporada pelo Taubaté. Sem ele, Bernardinho define que Bruninho e William Arjona serão os levantadores da Olimpíada do Rio.

Ídolo no Sada/Cruzeiro, clube que defende desde a temporada 2010/11, William foi eleito o melhor levantador da Superliga nas últimas seis temporadas, tendo conquistado quatro títulos da comepetição com o time, além de dois Mundiais de Clubes, entre outros.

Lucas Loh e Wallace Martins, ambos do Brasil Kirim, vice-campeão da Superliga, já eram cortes esperados. Para a posição de Loh, de 25 anos, Bernardinho já tem Lipe, Douglas Souza e Maurício Borges como reservas de Lucarelli e Murilo. Ainda é preciso cortar mais um. Já os opostos da Olimpíada serão Evandro e Wallace Souza mesmo.

Titulares
Ainda sem uma confirmação de quem será seu time titular. Bernardinho teve na partida contra a Eslovênia, em Saquarema (RJ), pela primeira vez o time completo. E na vitória por 3 sets a 1, com parciais de 25/19, 25/22, 28/26 e 25/21, o treinador entrou em quadra com: o levantador Bruninho, o oposto Wallace, os centrais Lucão e Éder, os ponteiros Murilo e Lucarelli e o líbero Serginho.

A equipe descansa no fim de semana e volta para mais um amistoso contra a Eslovênia, quinta-feira, em Saquarema, novamente sem acesso ao público. A Liga Mundial começa para o Brasil só no dia 16 de junho, no Rio.