Eram 15h de 25 de junho de 1950, quando Iugoslávia e Suíça começaram a se enfrentar no Independência, no complemento da primeira rodada do Grupo 1, que tinha feito a abertura do torneio no dia anterior com o Brasil goleando o México por 4 a 0, no Maracanã. Esta partida entre iugoslavos e suíços coloca Belo Horizonte no mapa da Copa do Mundo, pois é o primeiro dos nove jogos pela competição disputados na cidade.

Iugoslávia Suíça Copa 1950Em 25 de junho de 1950, Iugoslávia e Suíça disputaram o primeiro jogo de Copa do Mundo em Belo Horizonte

O confronto marcou ainda a inauguração daquele que era chamado nos anos 1950 de Gigante do Horto.

Era apenas a quarta edição do Mundial e antes, contando o Rio de Janeiro, que recebeu o jogo de abertura, apenas 18 cidades tinham recebido partidas pela competição.

Crescimento

No Censo de 1950, Belo Horizonte tinha cerca de 320 mil habitantes. Com base nessa informação, e considerando que o Independência foi inaugurado para receber 45 mil pessoas, pode-se afirmar que a Copa de 1950 não provocou no público da capital o mesmo entusiasmo verificado em 2014, nos jogos entre outras seleções, que não fossem a brasileira.

O estádio do Horto teve apenas 16,3% da sua capacidade ocupada naquela tarde de 25 de junho de 1950.

Isso porque o público de Iugoslávia 3 x 0 Suíça foi de 7.336 torcedores segundo o livro “O mundo das Copas”, de Lycio Velloso Ribas.
Em 2014, o primeiro jogo em Belo Horizonte também foi um 3 a 0, da Colômbia sobre a Grécia. E o Mineirão recebeu 57.174 torcedores, apenas 967 pessoas a menos que no seu jogo mais badalado há seis anos, os 7 a 1 da Alemanha sobre o Brasil, pelas semifinais. Quer dizer, o Gigante da Pampulha teve mais de 90% de taxa de ocupação.

O jogo

A Iugoslávia, que era a grande adversária do Brasil no Grupo 1, pois apenas o primeiro colocado de cada chave se classificava para o quadrangular final, justificou essa condição, embora só tenha conquistado no segundo tempo a vitória sobre a Suíça, que seria a sede da Copa do Mundo seguinte, em 1954.

Iugoslávia Suíça Copa 1950A partida entre Iugoslávia e Suíça marcou a inauguração do Estádio Independência

Os gols dos iugoslavos foram marcados todos no segundo tempo. Mitic abriu o marcador aos 14 minutos, Tomasevic fez 2 a 0 aos 25, e Ogjanov decretou a goleada iugoslava aos 39.

Apesar da goleada, os iugoslavos deixaram o Horto bravos, pois três dias depois encaravam o México, pela segunda rodada, em Porto Alegre. Para eles, a longa distância a ser percorrida era uma armação brasileira, pois as duas seleções jogaram dia 1º de julho, no Maracanã, decidindo a vaga do Grupo 1 no quadrangular final. A Iugoslávia jogava pelo empate diante do Brasil, mas perdeu por 2 a 0.

A FICHA DO JOGO

IUGOSLÁVIA 3
Mrkusic; Horvat e Stankovic; Cajkovski, Jovanovic e Djajic; Ognjanov, Mitic, Tomasevic, Bobek e Vukas. Técnico: Milorad Atanackovic

SUÍÇA 0
Stuber; Neury e Bocquet; Lusenti, Eggimann e Quinche; Bickel, Antenen, Tamini, Bader e Fatton. Técnico: Franco Andreoli

DATA: 25 de junho de 1950
LOCAL: Estádio Independência
CIDADE: Belo Horizonte
MOTIVO: Primeira rodada do Grupo 1 da Copa do Mundo
GOLS: Mitic, aos 14, Tomasevic, aos 25, e Ogjanov, aos 39 minutos do segundo tempo
ARBITRAGEM: Giovanni Galeatti (Itália), auxiliado por Ivan Eklind (Suécia) e Generoso Dattilo (Itália)
PÚBLICO: 7.336