Campeonato Mineiro tem Atlético ainda mais favorito, Cruzeiro em reconstrução e time estreante

Luciano Dias
@jornlucianodias
20/01/2020 às 20:15.
Atualizado em 27/10/2021 às 02:21
 (Arte)

(Arte)

Vamos para mais um Campeonato Mineiro! O Estadual das Gerais começa nesta terça-feira (21) com dois jogos: Coimbra x URT, no Independência, às 20h, e Atlético x Uberlândia, no Parque do Sabiá, às 21h30.  O cenário, desta vez, apresenta o Atlético como o maior favorito para levar a competição, já que o arquirrival Cruzeiro está em processo de reconstrução e vive a maior crise de sua história após a queda inédita para a segunda divisão do Brasileirão. O América aposta na continuidade da base que fez boa Série B em 2019 para conseguir êxito no Estadual deste ano.  Entre as equipes do interior, destaque para o Coimbra, que disputará pela primeira vez a elite do futebol mineiro. Também vem do Módulo II o Uberlândia, que, ao contrário de outras edições, vai apostar na base para, pelo menos, se manter na primeira divisão.  Os nove clubes do interior, e nessa lista entram Villa Nova, de Nova Lima, e Coimbra, de Contagem, cidades da Região Metropolitana de Belo Horizonte, tentam diminuir o desequilíbrio em relação à capital, que foi uma marca do Estadual do ano passado.
Pelo interior, muitos figuirinhas já conhecidas, como o atacante Ademilson (Tupynambás), Bruno Mineiro (Coimbra), Ibson (Tombense) e Leandro Salino (Uberlândia).
 Arte  Fórmula de disputa A fórmula é a mesma de 2017. O torneio será disputado em turno único, com 11 rodadas, em que os quatro melhores classificados vão disputar as semifinais, e posteriormente as finais, ambas em jogos de ida e volta.  Os dois piores classificados serão rebaixados para o Módulo II. Quem disputa o Campeonato Mineiro 2020?  AméricaNome: América Futebol ClubeFundação: 30 de abril de 1912Sede: Belo HorizonteDesempenho: SemifinalistaTécnico: Felipe ConceiçãoDestaque: MatheusinhoO acesso para a Série A do Brasileiro não veio em 2019, mas a base da equipe que fez uma campanha histórica de recuperação foi mantida para 2020. O elenco ainda foi reforçado e será comandado mais uma vez por Felipe Conceição. Com o Cruzeiro enfraquecido, e o Atlético cheio de incertezas, o Coelho entra com significativas chances de título. AtléticoNome: Clube Atlético MineiroFundação: 25 de março de 1908Sede: Belo HorizonteDesempenho: Vice-campeãoTreinador: Rafael DudamelDestaques: Jair e AllanMaior campeão mineiro, com 44 taças, o Galo não levanta o caneco desde 2017, perdendo o título para o Cruzeiro nos dois últimos anos. Agora, o time comandado pelo venezuelano Rafael Dudamel carrega a responsabilidade de ser o grande favorito para conquistar o torneio, já que seu maior rival vive a maior crise de sua história. Boa EsporteNome: Boa Esporte ClubeFundação: 30 de abril de 1947 em Ituiutaba. Se transferiu para Varginha e mudou de nome em 2011Sede: VarginhaDesempenho em 2019: SemifinalistaTécnico: Nedo XavierDestaque: Gindré Campeão do interior em 2019, o Boa tinha a esperança de uma boa campanha na Série C. No entanto, o desempenho foi longe do esperado, e a equipe de Varginha terminou na oitava colocação do grupo B da competição. Como novidade em relação a anos anteriores, está a manutenção de boa parte do elenco para 2020. CaldenseNome: Associação Atlética CaldenseFundação: 7 de setembro de 1925Sede: Poços de CaldasDesempenho em 2019: Chegou às quartas de finalTécnico: Marcus Paulo GrippiDestaque: MariottoA Veterena segue parceira de um grupo de empresários de São Paulo, que investe no Periquito. A base da equipe que disputou a Série D do Brasileiro foi mantida, assim como o técnico Marcus Paulo Grippi. No início de 2020, a Caldense enfrentou o São Paulo em um jogo-treino, mas foi facilmente batida pelo Tricolor, por 6 a 1.  CoimbraNome: Coimbra SportsFundação: 6 de janeiro de 1986Sede: ContagemDesempenho em 2019: Campeão do Módulo IITécnico: Diogo GiacominiDestaque: Uilson e Bruno MineiroA equipe comandada por Diogo Giacomini jogará pela primeira vez na elite mineira. Além do goleiro Uilson, há no elenco vários jogadores com passagens pelo Atlético, como o lateral-direito Alex Silva, o volante Ralph e os meias Daniel Penha e Thalys. O fator casa pode pesar, já que a equipe mandará seus jogos no Independência. CruzeiroNome: Cruzeiro Esporte ClubeFundação: 2 de janeiro de 1921Sede: Belo HorizonteDesempenho: Atual campeãoTreinador: Adilson BatistaDestaque: FábioCom 39 conquistas do Campeonato Mineiro e atual bicampeão da competição, o Cruzeiro entrará em campo ciente de que o torneio servirá de “laboratório”, visando ao principal desafio do clube na temporada: voltar à elite do futebol brasileiro. Com um elenco de poucos medalhões e vários jovens, o time celeste espera surpreender. PatrocinenseNome: Clube Atlético PatrocinenseFundação: 19 de março de 1954Sede: PatrocínioDesempenho em 2019: Chegou às quartas de finalTécnico: Thiago OliveiraDestaque: RogerinhoA equipe de Patrocínio começou a pré-temporada no dia 9 de dezembro do ano passado, se preparando para esta edição do Campeonato Mineiro. A águia, que disputou a Série D do Brasileiro pela primeira vez em 2019, aposta em atletas jovens, que devem ter espaço na equipe comandada por Thiago Oliveira. TombenseNome: Tombense Futebol ClubeFundação: 7 de setembro de 1914Sede: TombosDesempenho em 2019: Chegou às quartas de finalTécnico: Eugênio SouzaDestaques: Ibson e Felipe GarciaDesde a primeira participação na elite do futebol mineiro, em 2015, a centenária equipe de Tombos vem se consolidando como uma das equipes mais fortes do interior mineiro, tanto que disputa a Série C do Brasileiro. Mais uma vez, o clube da zona da mata promete incomodar, contando com jogadores experientes, como o volante Ibson, ex-Flamengo. TupynambásNome: Tupynambás Futebol ClubeFundação: 15 de agosto de 1911Sede: Juiz de ForaDesempenho em 2019: Chegou às quartas de finalTécnico: Paulo CamposDestaque: Ademilson e LúcioA tabela do Mineiro não foi nada amigável com a equipe de Juiz de Fora. Após a estreia diante do Tombense, o Baeta enfrentará os três grandes da capital em sequência. Conseguir arrancar pontos preciosos nas primeiras partidas da competição pode ser um ponto decisivo na campanha do Tupynambás no torneio. UberlândiaNome: Uberlândia Esporte ClubeFundação: 1 de novembro de 1922Sede: UberlândiaDesempenho em 2019: Vice-campeão do Módulo II Técnico: Felipe SurianDestaque: Leandro SalinoO tradicional clube do Triângulo Mineiro está de volta à elite do Estadual. Para a disputa da edição de 2020, o Verdão terá uma mescla de jogadores experientes com jovens da base. Pelo menos 15 atletas formados no clube estarão à disposição do técnico Fellipe Surian para a disputa do torneio. URTNome: União Recreativa dos TrabalhadoresFundação: 9 de julho de 1939Sede: Patos de MinasDesempenho em 2019: 10º lugarTécnico: Ademir FonsecaDestaque: MirraiAcostumado a incomodar os grandes em vários Campeonatos Mineiros, a URT não conseguiu repetir o bom desempenho em 2019, se mantendo na elite do futebol mineiro apenas na última rodada. Agora, sob o comando de Ademir Fonseca, o Trovão Azul busca a retomada de boas campanhas no estadual. Villa NovaNome: Villa Nova Atlético ClubeFundação: 28 de junho de 1908Sede: Nova LimaDesempenho em 2019: 9º lugarTécnico: Emerson ÁvilaDestaque: Vitor JúniorSob o comando de Emerson Ávila, o tradicional clube de Nova Lima tenta voltar a figurar dentre as principais forças do estadual, já que nem se classificou para o mata-mata em 2019. Muito por conta de seu treinador, que tem passagem recente pela base cruzeirense, o Leão do Bonfim contará com vários atletas que possuem vínculo com a Raposa. *Colaborou Hugo Lobão

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por