Chuva encurta preparação para o GP do Japão

Folhapress
25/09/2015 às 12:09.
Atualizado em 17/11/2021 às 01:51
 (AFP)

(AFP)

A chuva que caiu durante a maior parte da sexta-feira (25) em Suzuka acabou atrapalhando a preparação de pilotos e equipes para o GP do Japão de F-1.
Como a meteorologia indica que não deve chover no sábado (26) e no domingo (27) e por conta das condições difíceis da pista, que podem resultar em acidentes e quebras desnecessárias, a maior parte dos pilotos passou grande tempo do dia nas garagens ou nos escritórios dos times no paddock japonês.

"Hoje foi um dia meio parado. Choveu de manhã e de tarde. No fim ainda fizemos testes para ver se nosso carro está mais competitivo na chuva e acho que o que vimos foi positivo", disse Felipe Massa, que foi o oitavo mais veloz no treino da manhã e o 16º na parte da tarde.

Tendo completado apenas 18 voltas durante as três horas de treino, o piloto da Williams afirmou ter custado para se entreter sem estar na pista.

"Tomara que o tempo melhore amanhã e a gente veja um pouco mais de atividade. Foi um dia meio chato, o tempo não passava. A gente até tenta fazer uma piada ou outra coisa para ver se o dia fica mais divertido. Perder a sexta-feira é complicado porque
agora só temos o sábado para tentar arrumar alguma coisa no carro se precisarmos", disse o brasileiro, que chegou a escapar da pista, mas sem danificar seu Williams. 

"Esta pista até tem uma boa aderência, mas o problema é que ela tem muitos pontos de aquaplanagem e a gente acaba se perdendo algumas vezes. De manhã estava bem difícil e no fim do treino da tarde também, quando aumentou a chuva".

O mais veloz da sexta-feira atípica em Suzuka foi Daniil Kvyat, da Red Bull, que cravou seu tempo (1min48s277) na sessão vespertina -pela manhã o mais rápido foi Carlos Sainz, da Toro Rosso.

"O resultado de hoje não significa nada, para ser sincero. Não seria de todo ruim se a previsão fosse de chuva, mas não é o que deve acontecer no resto do final de semana", declarou Kvyat.

O segundo melhor tempo (1min48s300) ficou com Nico Rosberg, da Mercedes, que completou a sessão imediatamente à frente de seu parceiro de time, Lewis Hamilton.

Já Felipe Nasr, que fez sua estreia no circuito japonês, completou o dia com o nono melhor tempo.

O piloto da Sauber, 11º na sessão matinal, fez 19 voltas no total. Mas disse ter aprendido o suficiente.

"Foi um dia diferente, em que a pista estava muito escorregadia, mas para mim foi importante para entender algumas coisas. Descobrimos algumas coisas positivas no acerto do carro e acho que deu para fazermos bastante coisa", declarou Nasr, que na última etapa, em Cingapura, estreou um novo pacote aerodinâmico em seu C34.

"Amanhã, se a pista estiver seca mesmo, teremos que começar do zero e teremos muito trabalho para acertar o carro para o treino de classificação. Mas estou confiante e a primeira impressão do carro foi boa".
 

Compartilhar
Ediminas S/A Jornal Hoje em Dia.© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por