cruzeiro, atletico, galo, raposa, lasaro candido da cunha, zeze perrella

 

A expressão: 'você sai da quinta série, mas a quinta série não sai de você' virou motivo de vários memes na internet nos últimos tempos. De tão difundida essa frase  chegou também no futebol. E com dirigentes de Atlético e Cruzeiro fazendo cada vez mais valer essa máxima.

A três dias do clássico mais importante do futebol mineiro, o novo gestor do futebol celeste, Zezé Perrella, e o vice-presidente atleticano, Lásaro Cândido, trocaram farpas por meio de entrevistas à veículos de imprensa. E o adjetivo usado tanto por um quanto por outro mais parece uma discussão infanto-juvenil. 

Ao responder a uma declaração de Lásaro Cândido, que em seu Twitter disse que o Cruzeiro havia ganhado o Campeonato Mineiro de 2019 "na mão grande", Perrella , ao site Superesportes, chamou o dirigente alvinegro de "bobão".

“Quando o presidente do Atlético falar alguma coisa, eu respondo. Esse cara aí para mim não é ninguém. É apenas um bobão. Não vale a pena responder”. “Quando ele tiver uma historinha no futebol, eu respondo ele. Ele não é ninguém", falou Perrella ao Superesportes.

Para a rádio Itatiaia, Lásaro Cândido retrucou. E ao se referir ao gestor cruzeirense, usou um termo que dificilmente usaria em suas tão elaboradas e importantes contestações e/ou defesas jurídicas: "bobo é ele".

“Ele disse que não fala com vice. Eu também poderia dizer que não falo com interventor. Com interventor eu não falo. Quem é esse interventor para falar comigo. Aliás, nós somos muito bobos. Em todos os foros jurídicos que nós já estivemos com eles em clássicos, eles pagaram mais de R$ 1 milhão só de multa por descumprir regras de ingressos e etc. Fora outras coisas. Então, o senhor Zezé Perrella tem que crescer muito, está muito baixinho, muito pequenininho para chamar os outros de bobo. Bobo é ele que não tem estatura para rebater nestes termos. Seja educado rapaz!”, retrucou em entrevista à rádio. 

Cruzeiro e Atlético se enfrentam pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O mando de campo é do time celeste, que havia vendido quase 30 mil ingressos até a tarde desta quinta.

A Raposa, que luta incansávelmente contra o rebaixamento, está de forma provisória na 14ª posição, após o empate em 0 a 0 com o Athletico-PR, na Arena da Baixada. Já o Galo é o 11º colocado, posição que alcançou após bater o Goiás por 2 a 0, no Mineirão.