O primeiro jogo da final do Campeonato Mineiro, entre Atlético e Cruzeiro, terminou com nove pessoas presas pela Polícia Militar, nos arredores do Estádio Independência, no bairro Horto, região Leste de Belo Horizonte.
 
Segundo o comandante do Batalhão de Eventos, coronel Antônio de Carvalho Pereira, das oitos pessoas, dois foram presos por porte de artefato explosivo, um por estar com maconha, um cambista, um por desacato e outros quatro torcedores do Atlético que estavam envolvidos em uma briga dentro do estádio.
 
“Na nossa avaliação foi um jogo tranquilo quanto ao policiamento. Sem grandes problemas e feridos. Apenas algumas pessoas foram medicadas por queda de pressão e alcoolizadas”, ponderou o coronel Carvalho.
 
Ao todo, foram empenhados mais de mil militares, posicionados dentro, fora e nos arredores do Independência e do metrô.
 
Atualizado às 19h22