Quando entrar em campo no próximo sábado (14) para encarar o Corinthians, na Neo Química Arena, o Atlético não terá como adversários três velhos conhecidos: o lateral-esquerdo Fábio Santos e os meias Cazares e Otero.

Atualmente vestindo a camisa do time paulista,  o trio deixou a Cidade do Galo durante o período de pandemia do novo coronavírus e, fora dos planos do técnico Jorge Sampaoli, foi fisgado pela diretoria corinthiana. Contudo, uma cláusula essencial para a batida de martelo proíbe que eles enfrentem o ex-clube na atual edição do Campeonato Brasileiro, mesmo não tendo sido emprestados.

Presente no jogo do turno, no Mineirão, Fábio Santos ajudou o Atlético a derrotar o Corinthians por 3 a 2, de virada. Pelo Galo, ele fez 216 partidas e anotou 20 gols. Caso pudesse estar em campo no sábado, ele teria o Galo como adversário após hiato de 2222 dias; na última ocasião, acabara eliminado da Copa do Brasil de 2014, na goleada por 4 a 1 sofrida no Gigante da Pampulha.

Otero, por sua vez, além da cláusula contratual, foi convocado para a seleção venezuelana e estará presente nos dois próximos jogos das Eliminatórias para a Copa de 22. Cazares, ex-dono da camisa 10 do clube mineiro e segundo gringo com mais gols na história atleticana (41 gols marcados; um a menos que Lucas Pratto), está entregue ao departamento médico e não tem retorno divulgado.