O técnico Claudinei Oliveira cobrou uma definição sobre o seu futuro no Santos da diretoria do clube. Com contrato apenas até o fim do ano, o treinador explicou que ainda não foi chamado para negociar a renovação e pediu para que uma decisão seja tomada logo para que ele possa planejar o seu futuro, mesmo que fora do time.

"A pergunta tem que ser para o presidente. Meu contrato vai até dezembro. Eles podem estar julgando que o que fiz até agora não é suficiente. É bom que isso seja definido para que eu possa definir a minha vida também. Não dá para esperar até 31 de dezembro e eu deixar de ouvir propostas", afirmou.

Claudinei assumiu o comando do Santos após a demissão de Muricy Ramalho em 31 de maio, inicialmente de forma interina, mas posteriormente acabou sendo efetivado no cargo pela diretoria. Com ele, o time disputou 34 partidas, com 13 vitórias, 11 empates e 10 derrotas.

A última dessas partidas foi o empate por 1 a 1 com o Corinthians, em Araraquara, no último domingo, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe volta a entrar em campo no próximo domingo, quando vai receber o Cruzeiro, às 17 horas, na Vila Belmiro.