O desfecho das semifinais da Copa do Brasil, nesta quarta-feira (26), vai encher os cofres dos dois clubes finalistas. Quem avançar para a decisão terá garantido a quantia de R$ 20 milhões, premiação paga pela CBF para quem chegar à última etapa do torneio. Já o campeão levará R$ 50 milhões. Cruzeiro, Palmeiras, Corinthians e Flamengo sonham com o valor.

A quantia a ser paga aos classificados é a maior da história da competição para um finalista. Os R$ 20 milhões representam até mesmo um prêmio superior ao entregue para o campeão brasileiro, cerca de R$ 18 milhões, e acima do pago em 2017 para o campeão da Copa do Brasil, R$ 13 milhões.

Para todos os clubes que sonham com a vaga na final, a chance de ter R$ 20 milhões a mais nos cofres já é um grande alívio. O valor é capaz de cobrir despesas fixas como a folha salarial dos jogadores, por exemplo. Dono de um dos elencos mais caros, o Palmeiras gasta R$ 13 milhões mensais com os jogadores.

Como o bônus dos finalistas será pago aos clubes ainda neste ano, servirá para as diretorias se organizarem e utilizarem o recurso para buscar contratações para a próxima temporada.

Às 21h45 desta quarta-feira (26), o Corinthians receberá o Flamengo no Itaquerão após empate por 0 a 0 no Maracanã. No mesmo horário, o Cruzeiro defenderá, no Mineirão, a vantagem de ter vencido o Palmeiras por 1 a 0 no Allianz Parque.


Leia mais:
Veja as operações de transporte e trânsito para o jogo Cruzeiro x Palmeiras, pela Copa do Brasil
Pouco badalados no início do ano, laterais se destacam entre titulares de Cruzeiro e Palmeiras
Corinthians aposta na torcida e Fla faz mistério para buscar vaga na final