A continuidade do trabalho é um dos principais fatores para o sucesso de uma equipe ao longo das temporadas.

Nesse cenário, o América, que tem o treinador mais longevo entre os times da Série A do Campeonato Brasileiro, também manteve a maior parte do elenco que obteve bons resultados nos últimos campeonatos.

Prova disso é de que 78,5% dos jogadores que entraram em campo na última rodada da fase classificatória do Campeonato Mineiro 2020 pelo Coelho continua no plantel.

Das 14 peças utilizadas na vitória por 3 a 0 sobre a URT, no estádio Zama Maciel, em Patos de Minas, onze continuam no Coelho. (Confira a ficha do jogo abaixo)

Entre os utilizados pelo técnico Lisca no dia 29 de julho de 2020, apenas o volante Rickson, o meia João Gabriel e o meia-atacante Matheusinho deixaram o Alviverde.

O primeiro retornou ao Botafogo, João foi emprestado ao Gama, enquanto o último foi vendido ao Beitar Jerusalém, de Israel.

Na ocasião, já com a vaga na semifinal garantida, o comandante do Coelho optou em mandar a campo uma formação alternativa, poupando a maioria dos titulares. Mesmo assim, venceu com tranquilidade.

Curiosamente, o Alviverde encerra a primeira etapa do Estadual desse ano contra o mesmo adversário, no mesmo local, em duelo marcado para o próximo domingo (28), às 16h.

Com 19 pontos, na vice-liderança do Mineiro, o América está virtualmente classificado para a semi.

Os comandados de Lisca só ficam de fora das finais se forem derrotados por quatro gols de diferença, e Cruzeiro e Tombense vençam Patrocinense e Pouso Alegre, respectivamente. Nesse caso, perderia a vaga para a própria URT. 

FICHA DO JOGO

URT 0 X 3 AMÉRICA

DATA: 29/7 (quarta-feira)

LOCAL: Zama Maciel, em Patos de Minas

MOTIVO: 11ª rodada do Campeonato Mineiro

ARBITRAGEM: Felipe Fernandes de Lima, auxiliado por Frederico Soares Vilarinho e Marcyano da Silva Vicente

CARTÕES AMARELOS: Wembley (URT); Joseph (América)

GOLS: Diego Ferreira aos 23 e Rickson aos 37 minutos do primeiro tempo e Vitão aos 27 minutos do segundo tempo

URT

Cris; Mizael, Wembley, Rodolfo e Jhonathan (Julio Magalhães) Moc; Túlio (Yan Gomes), Valkenedy (Willian Mococa) e Arilson (Lélis Mourão); Ian Augusto (Gabriel), Vitor Braga e Kesley

Técnico: Johnatan Alemão

AMÉRICA

Airton; Diego Ferreira, Joseph, Anderson e João Paulo; Flávio e Rickson (Marcelo Toscano); Kawê (Thalys), Geovane (João Gabriel) e Matheusinho (Carlos Alberto); Vitão (Léo Passos)

Técnico: Lisca