Enderson Moreira segue com 100% de aproveitamento no comando do Cruzeiro. A vitória por 3 a 2 sobre o Guarani-SP, na noite desta terça-feira (11), no estádio Brinco de Ouro, em Campinas, foi a quinta em cinco jogos do treinador à frente da Raposa.

O técnico foi contratado pelo clube celeste em março, durante a interrupção do calendário do futebol brasileiro pela pandemia de coronavírus, pra substituir Adilson Batista.

Após a retomada do futebol, em julho, Enderson venceu os três jogos que disputou pelo Campeonato Mineiro - sendo dois pela primeira fase e um válido pela semifinal do Troféu Inconfidência - e os dois compromissos pela Série B.

Após o duelo com o Bugre, o comandante da Raposa analisou o desempenho da equipe no Brinco de Ouro e destacou a importância de mais uma vitória para a sequencia do torneio.

" Conquistamos dois grandes resultados, muito importante para nós, nesse recomeço, retomada. Queria enaltecer o time do Guarani, equipe que tem boa posse de bola, bem treinada, temos que enaltecer. Sabíamos das dificuldades do jogo. Tivemos momentos bons, coisas boas, coisas que precisam ser melhoradas, Intervalo curto, não dá para aprimorar, importante é somar os pontos, passa confiança para nós".

Futuro promissor

O treinador também fez questão de elogiar o time do Guarani-SP e mostrou confiança para no futuro da Raposa na competição.

"Sabia que teria jogo difícil. A gente tem forma de jogar, a gente tem posse. Hoje enfrentamos adversário que nos trouxe dificuldade, de manter um pouco mais a posse. Um pouco da conversa que tivemos, no intervalo, foi que tentamos acelerar demais a jogada, tinha que selecionar um pouco melhor, valorizar a posse de bola. Sempre quando a gente fez isso, criamos dificuldades par ao Guarani. Tivemos também chances boas. Enaltecer trabalho do adversário, enaltecer. Eles fizeram boa campanha no Paulista, mas ao mesmo tempo enaltecer entrega dos atletas, em algum tempo fechar mais a marcação, manter o resultado. Degrau a degrau vamos evoluindo na questão tática. Nunca falamos que estávamos prontos, sempre falamos que estávamos crescendo na competição. Tenho certeza que vamos crescer nisso".

Com a vitória, o Cruzeiro zerou a pontuação na Série B. Vale lembrar que a Raposa começou a Segundona com seis pontos a menos por causa de punição imposta pela Federação Internacional de Futebol Associado (Fifa), pelo não pagamento do empréstimo do volante Denílson, contratado no segundo semestre de 2016, na gestão de Gilvan de Pinho Tavares.

Com o resultado positivo na bagagem, o Cruzeiro agora volta o foco para o Figueirense, adversário do próximo domingo (16), às 16h, no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, em duelo válido pela terceira rodada do Brasileiro da Série B.