Vestir a camisa 37 do Atlético significa a realização de um sonho para Tchê Tchê. A admiração pelo clube foi construída a cada treino na Cidade do Galo (às vésperas de confrontos com o Cruzeiro) e jogo em Belo Horizonte no passado, quando trajava os uniformes de Palmeiras e São Paulo. Agora, promete fazer jus à tradição com grandes atuações e títulos à torcida alvinegra.

“Quando se joga contra, a gente percebe a coisa da torcida, da Massa. Tive diversos amigos que jogaram aqui. Meu irmão conviveu com vários atletas. Sempre que eu vinha treinar aqui ou jogar contra, me via atuando com essa camisa. Me sinto realizado. Meu pai está muito feliz de eu vir para cá. Tenho certeza que será uma fase muito abençoada na minha vida, ao lado dos meus companheiros, com essa camisa do Galo”, declarou.

Por conta de suas características dentro de campo, ele rechaçou utilizar o número 5, por não ser um volante especialista na marcação.

“Com certeza não sou esse cara de marcação. Até me foi sugerido pegar a camisa 5. Conversando com minha família, preferi não utilizá-la. Ela pertenceu a jogadores de marcação, como o Pierre, que já atuou com essa camisa. Vou ajudar na marcação, mas minhas principais características são outras”, disse.

Polivalência

Tchê Tchê chama atenção sobretudo pela qualidade no passe e pela competência em atuar em outras posições, como nas laterais e até de ponta. No entanto, deixa claro que prefere brigar por uma vaga no meio-campo.

“Claro que já ajudei em outras posições, mas minha posição de origem é meio-campista; ajudo na marcação e chego bem ao ataque. O Atlético está bem servido em outras posições. Venho para brigar pelo meu espaço e ocupar o meio-campo mesmo”, comentou.

Atlético

Tchê Tchê é o quarto reforço do Galo para a temporada, após as chegadas de Hulk, Dodô e Nacho Fernández

A FICHA DO JOGADOR
Nome: Danilo das Neves Pinheiro 
Data de nascimento: 30/8/1992 
Posição: meio-campo 
Naturalidade: São Paulo (SP)

Clubes
2012/2014 – Audax 
2014 – Guaratinguetá 
2015 – Ponte Preta 
2015 – Boa Esporte 
2016 – Audax
2016/2018 – Palmeiras 
2018/2019 – Dínamo de Kiev 
2019/2021 – São Paulo 
2021 – Atlético 
 
Títulos
Campeonato Brasileiro: 2016 e 2018 
Supercopa da Ucrânia: 2018 
 
Prêmios individuais
Bola de Prata: 2016 
Prêmio Craque do Brasileirão: 2016