Com dois gols nos acréscimos, o Shakhtar Donetsk venceu o Dínamo de Kiev por 2 a 0, nesta terça-feira (14), no estádio Chornomorets, na cidade de Odessa, e conquistou a Supercopa da Ucrânia pela sétima vez na história.

O croata Darijo Srna abriu o marcador aos 47 minutos da etapa final, de pênalti, em lance que ocasionou a expulsão do goleiro Shovkovskiy. Com um a mais, a equipe de Donetsk ampliou aos 49 com o brasileiro Bernard.

O Shakhtar Donetsk contou com a presença de outros cinco brasileiros em campo. Ismaily, Fred, Marlos, Taison e Alex Teixeira começaram entre os titulares e Dentinho e Bernard entraram no decorrer da partida.

Após o término da última temporada, o Shakhtar Donetsk vendeu dois brasileiros importantes do elenco: o meia Douglas Costa, que foi para o Bayern de Munique, e o atacante Luiz Adriano, negociado com o Milan.