O zagueiro Edu Dracena sofreu uma lesão muscular na panturrilha direita durante um treinamento no fim de janeiro e a previsão era que ele retornasse aos gramados no começo dessa semana, porém, ele continua o processo de transição e sequer foi para o campo. Assim, o departamento médico do Palmeiras prefere não projetar um novo retorno do atleta.

Com 33 anos, Edu Dracena foi contratado para ser o parceiro de Vitor Hugo na zaga. Entretanto, ele sofreu a lesão ainda na pré-temporada e sequer conseguiu disputar uma partida oficial pelo clube. A previsão dos médicos do clube era de que ele ficasse cerca de três semanas fora, mas o tempo será maior.

Enquanto isso, Roger Carvalho é quem deve ser mantido no time para encarar o Santos. Leandro Almeida era o substituto imediato de Dracena, mas perdeu espaço no time após falha diante do São Bento, pelo Campeonato Paulista.

Quem também pode desfalcar o time é o atacante Lucas Barrios. O paraguaio sente dores e passou por exames na quinta-feira. O resultado será divulgado nesta sexta. O curioso é que o clube não quis revelar qual o problema do jogador. Barrios recentemente teve uma inflamação na região lombar em decorrência de uma alteração anatômica de uma vértebra e tem passado por tratamento constante.

O paraguaio não viajou para um torneio amistoso que o Palmeiras disputou no Uruguai no início do ano e perdeu a estreia da equipe no Campeonato Paulista, contra o Botafogo, por causa deste problema.

A definição do time para encarar o Santos neste sábado acontece no treino que será realizado na Academia de Futebol na manhã desta sexta-feira, na Academia de Futebol.