Aos 46 minutos do primeiro tempo, Ademir arriscou um chutaço, da entrada da área, e encobriu o goleiro Rafael. A pintura, assinada por sua perna canhota, foi a síntese da grande atuação do atacante nos 3 a 1 do América para cima do Brasil de Pelotas, no Independência, nesta terça-feira (20), pela 17ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Antes, o atacante viu Bruno José abrir o placar para os gaúchos e o colega de time Léo Passos empatar a partida, de pênalti. Na segunda etapa, o “Fumacinha” sacramentou o triunfo, com mais um tento, no apagar das luzes.

Com o resultado, o Coelho assumiu a vice-liderança da classificação, com 32 pontos, mesma pontuação do Cuiabá, primeiro colocado e que supera o alviverde no saldo de gols (9 a 8). Terceira colocada, com 30 pontos, a Chapecoense, pode ultrapassar os mineiros caso leve a melhor sobre a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, também nesta terça, às 21h30.

Artilheiro do dia

O segundo tento do Coelho no duelo foi dedicado à mãe e ao filho de Ademir. "E agradeço a Deus. Foi um gol importante. Tomamos um gol, mas a união do grupo prevaleceu e viramos. É continuar com o foco e o objetivo que é o acesso”, destacou o avante, na saída para o intervalo.

Individualmente, os tentos colocam o "Fumacinha" (oito gols) cada vez mais próximo de Rodolfo (dez gols) na disputa pela artilharia do time na temporada. Em uma briga sadia pelo título simbólico de goleador do ano, quem ganha é o Coelho, no caminho certo para regressar à elite do futebol brasileiro.

Na próxima rodada, o América volta a jogar no Independência. No sábado (24), às 21h, recebe o Confiança.

América


AMÉRICA 3 X 1 BRASIL DE PELOTAS
Motivo
: 17ª rodada da Série B do Brasileiro
Local: Independência
Arbitragem: Charly Wendy Straub Deretti, auxiliado por Éder Alexandre e Eli Alves, todos catarinenses
Cartões amarelos: Sabino (América)
Gols: Bruno José (Brasil de Pelotas) aos 28 minutos, Léo Passos (América) aos 37 e Ademir (América) aos 46 do primeiro tempo; Ademir (América) aos 48 do segundo tempo

AMÉRICA
Matheus Cavichiolli; Diego Ferreira, Messias, Anderson e Sávio (Sabino); Zé Ricardo (Flávio), Juninho e Geovane (João Paulo); Ademir, Léo Passos (Felipe Augusto) e Felipe Azevedo (Marcelo Toscano)
Técnico: Lisca

BRASIL DE PELOTAS
Rafael Martins; Rodrigo Ferreira. Leandro Camilo, Héverton e Bruno Santos; Sousa, Pablo (João Ananias) e Matheus Oliveira (Thalles); Bruno José (Jarro Pedroso), Gabriel Poveda (Luiz Henrique) e Dellatorre (Danilo Gomes)
Técnico: Hemerson Maria