Num momento conturbado fora de campo, pelos problemas com as justiças brasileira e espanhola, mas brilhando dentro das quatro linhas, integrando o trio MSN do Barcelona, juntamente com Messi e Suárez, o atacante Neymar aparece como o principal representantes dos mais de 40 jogadores brasileiros que iniciam nesta terça (16) a caminhada final em busca do título da Liga dos Campeões da Europa.

E as oitavas de final da competição, que terão os jogos de ida nestas duas últimas semanas de fevereiro, serão abertas com dois confrontos recheados de brasileiros.

O mais badalado deles envolve Paris Saint Germain, da França, e Chelsea, da Inglaterra, numa reedição de um encontro que já aconteceu nesta mesma fase na última edição.

O jogo desta terça (16) será no Parque dos Príncipes, em Paris, às 17h45 (de Brasília), com transmissão do canal Esporte Interativo MAXX. A volta, no Stamford Bridge, em Londres, será em 9 de março.

O enredo atual é o mesmo do ano passado, pois o jogo de ida também foi disputado em Paris e a volta em Londres.

E o Paris Saint Germain, com a dupla de zaga brasileira Thiago Silva e David Luiz sendo protagonista, ficou com a vaga graças ao maior número de gols marcados como visitante.

E a esperança francesa segue depositada nos brasileiros, pois além de Thiago Silva e David Luiz, seu setor defensivo hoje deve ser completado por Marquinhos, zagueiro improvisado na lateral direita, e Maxwell na esquerda.

Apesar de ser visitante na segunda partida, o Paris Saint Germain entra com certo favoritismo no confronto pela excelente temporada que faz.

Lidera o Campeonato Francês com 24 pontos de vantagem sobre o segundo colocado (Mônaco) e de forma invicta, com 22 vitórias e quatro empates. Na Liga dos Campeões, a única derrota na fase de grupos foi para o poderoso Real Madrid, no Santiago Bernabéu.

O Chelsea, que faz péssima campanha no Campeonato Inglês, perdeu o técnico português José Mourinho, que comandou a equipe na fase de grupos, e vive uma boa fase desde a chegada do holandês Guus Hiddink. Nos 11 jogos disputados sob o seu comando, o time permanece invicto.

LISBOA

No outro confronto desta terça (16), entre Benfica, de Portugal, e Zenit, da Rússia, às 17h45 (de Brasília), no Estádio da Luz, em Lisboa, com transmissão do Esportivo Interativo MAXX 2, os dois times apostam em artilheiros brasileiros para seguir na Liga dos Campeões. Os donos da casa contam com Jonas, ex-Grêmio. Já os russos apostam em Hulk, titular da Seleção na última Copa do Mundo. O confronto de volta, dia 9 de março, será disputado em São Petersburgo.