Promessas de resultados a curto prazo e "fome de vitória". Foi esse o recado dado pelo novo técnico do Sport, Vanderlei Luxemburgo, nesta terça-feira, durante a entrevista coletiva em que foi oficialmente apresentado no comando da equipe rubro-negra pernambucana.

Sem meias palavras, Luxemburgo deixou claro que quer aproveitar sua estada na equipe para provar que pode voltar a figurar entre os melhores treinadores do Brasil. Ainda durante a entrevista, realizada pouco mais de duas horas após seu desembarque no Aeroporto Internacional do Recife, ele fez questão de enfatizar a importância da torcida para a disputa do Campeonato Brasileiro.

"Nos últimos tempos, me cobraram muito. Mas acho isso legal, porque se estão me cobrando é porque eu tenho valor. Mas o que o pessoal quer é que você ganhe de manhã, de tarde, de noite. Não adianta ter uma história como a minha. Eles querem título. Quero voltar a ganhar porque me incomoda quando esquecem minha história. Estou motivado, quero e vou ganhar. Querem título? Então eu vim para o Sport. Quero ganhar e vou ganhar", destacou Luxemburgo, que classificou o torcedor rubro-negro "como um centroavante" que pode empurrar a equipe adiante na competição nacional.

"Não sei como é o grito ainda, estou aprendendo. Mas aquele 'cazá cazá' é como se fosse nosso centroavante. Só que para empurrar esse 'centroavante', nosso jogador vai ter que ralar o rabo no chão", afirmou.

Mantendo o seu conhecido estilo polêmico, o comandante do Sport também avisou: "Vou cobrar do Sport que pense como eu. Grandeza. A referência do Sport será o campeonato nacional". Entre os objetivos traçados por Luxemburgo, está a conquista de "ao menos" uma vaga na Libertadores já nesta edição da competição. Sem meias palavras, o treinador também não perdeu a chance de alfinetar os críticos sobre as afirmações de que ele está ultrapassado. "Estou brigando pelo título", desafiou.

Luxemburgo irá comandar a equipe contra o Botafogo nesta quarta, na Ilha do Retiro, pela Copa do Brasil. O Sport tem que vencer para se classificar para as quartas de final da competição. "Estou com frio na barriga, sim", afirmou.

Chegada

Na chegada ao Recife Luxemburgo foi recebido por um pequeno grupo de torcedores, a quem respondeu com acenos. Na ocasião, o treinador não falou com a imprensa que estava no local. A negociação com o Sport foi fechada na última segunda-feira, ainda sob o impacto da perda do título da Copa do Nordeste, na última quarta, para o Bahia. Luxemburgo chega para o lugar de Ney Franco, demitido na semana passada.

Leia mais; 

Sport anuncia Vanderlei Luxemburgo como novo técnico para o lugar de Ney Franco