O confronto entre Mamoré e Formiga pelo Módulo II do Campeonato Mineiro foi marcado por violência e sustos fora das quatro linhas. Enquanto dentro de campo os times ficaram apenas no empate por 1 a 1, no entorno do estádio Juca Pedro um tiroteio alarmou atletas e torcedores.

Um homem teria disparado contra policiais após se desentender com um taxista. Uma pessoa morreu e outra ficou ferida no confronto, que terminou, também, com diversos carros baleados.

O assessor de imprensa do Mamoré, Sérgio Tavares, sentiu-se mal e precisou ser retirado do estádio em uma ambulância devido a uma parada cardíaca. Ele foi internado em estado grave na Santa CAsa de Formiga.

O Mamoré abriu o placar ainda nos primeiros 45 minutos, mas o time da casa buscou o empate já no final da partida. Com o ponto conquistado, o time de Patos de Minas chega a oito pontos no quarto lugar do Grupo A. Já o Formiga ocupa a segunda colocação com 11.