Foram 26 rodadas de sofrimento transformado em esperança, quando o América deixou a lanterna da Série B para se tornar um candidato a uma vaga na elite em 2020. Pois hoje, às 21h30, no Independência, o Coelho tem a primeira chance de figurar entre os quatro melhores no campeonato, a zona do acesso.

Para isso, é necessário superar uma pedreira no Independência: o Bragantino, líder isolado da competição e com a vaga na Série A encaminhada. E secar o Botafogo-SP, que recebe o lanterna Figueirense em Ribeirão Preto.

Jogadores e o técnico Felipe Conceição evitam fazer contas ou se apegar à possibilidade. Sabem que o que importa é seguir pontuando em casa e que o objetivo é aparecer entre os quatro primeiros ao fim da 38ª rodada, quando realmente importa. E com a filosofia de um passo de cada vez.

O time paulista ‘ganhou asas’ graças à parceria com o Red Bull Brasil, que trouxe todo o suporte da conhecida fabricante de energéticos, que tem clubes na Áustria, Alemanha e Estados Unidos.

Depois de conversar com o grupo no início da atividade de ontem, o treinador americano fechou o trabalho à imprensa, mas tudo indica que não só o esquema com três volantes será mantido, como a formação que bateu o CRB-AL há uma semana, também. A única exceção é o volante Flávio, que recebeu contra os alagoanos seu terceiro cartão amarelo. O substituto é Zé Ricardo, recuperado de contusão, e que substituiu o companheiro na segunda etapa.

“Será um jogo difícil, bom para quem vai assistir, mas bom também para quem estará em campo, nós sabemos da força, do poder do Bragantino, mas nosso momento também faz com que eles cheguem preocupados. Temos que procurar neutralizar a principal arma deles, e procuramos trabalhar para aproveitar os pontos vulneráveis do time deles”, destacou o volante Juninho, que tem chamado a atenção pela boa movimentação ofensiva e no apoio aos homens de frente.

O ponto forte a que ele se refere é o rápido ataque do time de Bragança Paulista. Na última rodada, diante do São Bento, Claudinho marcou os três gols. O que exigirá atenção redobrada no setor defensivo. Pedrão ainda se recupera de contusão e, com isso, Lucas Kal e Ricardo Silva (autor do gol da vitória sobre o CRB) voltam a formar a dupla de zaga.

Desfalques
Zago não conta com duas de suas principais opções de ataque. Com um incômodo na coxa, Morato será poupado. Já o experiente Thiago Ribeiro se recupera de uma lesão no adutor.

América x Bragantino

Série B do Brasileiro: 27ª rodada

América

Aírton; Leandro Silva, Lucas Kal, Ricardo Silva e João Paulo; Juninho, Willian Maranhão, Zé Ricardo e Diego Ferreira; Matheusinho e Júnior Viçosa
Técnico: Felipe Conceição

Bragantino

Júlio César; Aderlan, Leo Ortiz, Ligger e Edimar; Ryller, Uillian Correia, Roberson e Wesley; Ytalo e Claudinho
Técnico: Antônio Carlos Zago

Horário: 21h30

Local: Independência

Arbitragem: Leandro Pedro Vuaden, auxiliado por Jorge Eduardo Bernardi e José Eduardo Calza (todos do Rio Grande do Sul).

TV: Premiere