cruzeiro, raposa, caicedo, luiz caicedo, kunty caicedo

O Cruzeiro chegou a um acordo com o Independiente Del Valle e pagará a dívida pela compra do zagueiro Kunty Caicedo em 18 prestações. A notícia do acordo entre Raposa e o clube equatoriano foi dada pelo presidente Sérgio Santos Rodrigues em sua transmissão ao vivo de número 10, no canal oficial celeste no Youtube.

“Acabamos de assinar acordo com o Independiente del Valle. A gente tinha uma dívida de US$ 650 mil consolidada agora para o dia 20 de agosto. Quero agradecer inclusive ao presidente do Independiente, Santiago (Morales), com quem falei diretamente ao longo da semana. Hoje, mandei a minuta assinada, estava esperando a dele e acabou de chegar ao meu WhatsApp”, disse Sérgio Santos Rodrigues.

O clube equatoriano, após o acordo, se comprometeu em retirar a ação na Fifa. O processo que citava o Cruzeiro na entidade máxima do futebol corria desde 2017. 

Por meio de seu site oficial o Cruzeiro informou no dia 16 de julho que havia recebido ordem de pagamento no valor de aproximadamente R$ 3,6 milhões no primeiro processo movido pelo Del Valle. Essa cobrança e uma segunda, que ainda estava em discussão, mas não teve detalhes publicados pelo clube,  estão juntas no "bolo de 18 prestações" a serem quitadas pelos mineiros. 

“A gente pegou essa dívida já consolidada que tínhamos anunciado para o dia 20 de agosto, somamos uma outra dívida que vai consolidar ainda este ano, com um valor bem maior, e conseguimos parcelar todo esse valor em 18 vezes, de forma que esse pagamento se adeque à realidade do Cruzeiro”, explicou o presidente. 

Caicedo vestiu a camisa do Cruzeiro e não deixou saudade no torcedor. Foi contratado ainda na gestão Gilvan de Pinho Tavares, por intermédio do diretor de futebol da época, Thiago Scuro, atualmente gestor do Red Bull Bragantino. 

A dívida total do Cruzeiro com o Del Valle está na casa de R$ 7 milhões.