O Cruzeiro emitiu nota oficial no fim da manhã desta quinta-feira e anunciou que o meia Rodriguinho será submetido a novo procedimento cirúrgico. A informação oficial confirma a apuração do Hoje em Dia, que após o empate da Raposa com o Fluminense, na última quarta-feira, já anunciava a possibilidade da segunda operação no meio-campista. 

De acordo com o doutor Sérgio Campolina, responsável pelo departamento médico do Cruzeiro, essa intervenção no jogador é diferente da que foi realizada em junho, quando Rodriguinho operou por causa de protusão discal aguda. 

“O Rodriguinho estava reintegrado ao grupo, realizando atividades em campo, inclusive, mas se queixou de muitas dores especialmente quando fazia finalizações, dores estas que ele não havia apresentado anteriormente em nenhum quadro. Desta forma, ele foi encaminhado ao especialista que fez a sua cirurgia para uma avaliação. Após a realização de novos exames, foi detectada uma alteração ao nível da coluna lombar, que não tem nada relacionado com a primeira cirurgia. A partir daí, foi indicada uma intervenção no local”, detalhou o médico em entrevista ao site oficial celeste. 

Rodriguinho não atua pelo Cruzeiro desde a derrota celeste para a Chapecoense, no dia 26 de maio, quando a Raposa perdeu para os catarinenses por 2 a 1, no Independência. 

A primeira cirurgia a qual o jogador foi submetido aconteceu no dia 12 de julho e, na época, o DM não informou com precisão o prazo de retorno do jogador aos gramados. 

Dessa vez a situação é a mesma. O médico Sérgio Campolina não oficializou o período de recuperação do atleta. Mas o Hoje em Dia confirmou com algumas fontes que Rodriguinho não jogará mais em 2019.

Leia também:
Atraso na recuperação de Rodriguinho indica que meia pode passar por nova cirurgia
Abatido, Abel lamenta empate, situação na tabela e jejum de vitórias: 'o peso está grande'