O Cruzeiro irá escalar um time reserva para encarar o Vasco nesta 29ª rodada do Campeonato Brasileiro. Podendo encostar no Santos, o time celeste estará em uma situação historicamente confortável: visitar os Cruzmaltinos, onde não perde há cinco jogos.

Se for considerar o retrospecto recente em São Januário, palco desta partida às 16h de domingo (13), a positividade celeste vem desde 2006. São 12 anos sem perder para o Vasco num dos mais antigos estádios do futebol brasileiro. 

Naquele jogo, o ex-meia-atacante Ramon, revelação das categorias de base da Raposa, fez o único gol da partida, e foi no goleiro Fábio, que não estará neste confronto de domingo por ser poupado para a Copa do Brasil, na finalíssima diante do Corinthians.

A última visita, inclusive, foi acachapante. Vitória celeste por 4 a 0 na fase de grupos da Libertadores. O Cruzeiro chegou a ser derrotado pelo Vasco no Maracanã em 2013, ano em que voltou a vencer o Campeonato Brasileiro. São, portanto, cinco anos sem sofrer derrotas para o time da Colina no Cidade Maravilhosa. Um saldo de 10 gols marcados, um gol sofrido, três jogos e três vitórias.

Curiosamente, o Vasco obtém melhores resultados quando visita a Raposa. Houve uma vitória de 3 a 0 na Arena do Jacaré em 2011, além de um triunfo de 1 a 0 no Mineirão no ano passado. 

Veja aqui os confrontos Cruzeiro x Vasco no site Futpédia