Cruzeiro América Mineiro 2020Na fase classificatória do Campeonato Mineiro, o empate por 1 a 1 garantiu ao Cruzeiro o 19º clássico sem derrota para o América em partidas disputadas no Mineirão

Eliminado da Copa do Brasil e mais próximo da zona de rebaixamento que do G-4 da Série B, o Cruzeiro recebe neste sábado, às 19h, no Mineirão, o América, que segue na competição nacional e sonha com vaga no grupo que garante presença na elite do Brasileirão em 2021.

Sim, o confronto entre Raposa e Coelho, pela 6ª rodada da Segundona, no Gigante da Pampulha, tem como marca os momentos opostos dos rivais.

Cruzeiro

Sem vencer há três partidas, duas pela Série B do Campeonato Brasileiro e a última pela Copa do Brasil, onde foi eliminado na terceira fase, pelo CRB, com o empate por 1 a 1, na última quarta-feira, em Maceió, o Cruzeiro vive o momento de maior pressão sob o comando do técnico Enderson Moreira, que assumiu a equipe durante a parada do futebol por causa da pandemia pelo novo coronavírus.

Depois de vencer as suas três primeiras partidas na Segunda Divisão nacional, a Raposa entrou na quarta rodada mirando o G-4, mas a derrota por 1 a 0 para a Chapecoense, dentro do Mineirão, provocou foi um efeito contrário, agravado pelo 1 a 1 com o fraco Confiança, domingo passado, em Aracaju.

As reclamações da torcida não são apenas pelos resultados, mas também pelo futebol ruim apresentado pelo time de Enderson Moreira.
Por isso, neste momento, os três pontos diante do Coelho são fundamentais, pois até o empate é desastroso para os cruzeirenses.

América

Ao contrário do rival, o América entra no clássico deste sábado com chances de voltar ao G-4 em caso de vitória.

O Coelho é sétimo colocado da Série B do Campeonato Brasileiro, com oito pontos, um a menos que o Operário-PR, que ocupa a quarta posição com nove.

Uma aposta americana é no bom desempenho como visitante na competição, pois estreou vencendo a Ponte Preta, em São Paulo, e na quarta rodada empatou com o Juventude, em Caxias do Sul, sendo superior ao adversário.

A FICHA DO JOGO

CRUZEIRO
Fábio; Cáceres, Léo, Cacá e Giovanni; Jadsom e Ariel Cabral (Henrique); Arthur Caíke, Régis e Maurício (Airton); Marcelo Moreno. Técnico: Enderson Moreira

AMÉRICA
Matheus; Daniel Borges, Messias, Eduardo e João Paulo; Zé Ricardo, Juninho e Alê; Léo Passos (Marcelo Toscano), Rodolfo e Matheusinho. Técnico: Lisca

DATA: 29 de agosto de 2020
HORÁRIO: 19h
ESTÁDIO: Mineirão
CIDADE: Belo Horizonte
MOTIVO: 6º rodada da Série B do Campeonato Brasileiro
ARBITRAGEM: Paulo César Zanovelli, auxiliado por Fredercio Soares Vilarinho e Leonardo Henrique Pereira, todos de Minas Gerais
TRANSMISSÃO: Premiere