O Cruzeiro é o primeiro semifinalista do Campeonato Mineiro. Numa partida marcada pelo ataque contra defesa, o time do técnico Mano Menezes chegou a sofrer um pouquinho no primeiro tempo, que terminou sem gols, principalmente pela ansiedade, mas na etapa final o garoto Raniel definiu a parada com muito oportunismo e dando mais uma prova de que o titular Fred terá de mostrar muito futebol para recuperar a sua posição no ataque cruzeirense.

Na primeira etapa, o Cruzeiro pecou pela afobação, mas na segunda metade da etapa levou muito perigo ao gol de Neguete, que precisou fazer boas defesas. A melhor delas numa cabeçada de Dedé, que ontem recebeu uma homenagem por ter completado 100 jogos com a camisa do Cruzeiro contra a URT, ainda na fase classificatória, e num chute cruzado de Thiago Neves, que usou a perna direita.

thi

Na primeira etapa, Thiago Neves perdeu boa chance de abrir o marcador, mas sua finalização de direita foi defendida pelo goleiro Neguete

O segundo tempo começou como terminou o primeiro, com o Cruzeiro pressionando bastante. E logo aos sete minutos, em bela jogada individual, Raniel acertou belo chute cruzado da direita, colocando a bola no canto esquerdo de Neguete.

Depois aos 19, num lance de oportunismo, ele fez 2 a 0 e garantiu a classificação cruzeirense. E ainda ganhou descanso do chefe, pois logo depois foi substituído por Rafael Sóbis.

Até o final da partida, o Cruzeiro seguiu com o controle das ações, mas sem se esforçar demais, pois as semifinais já começam a ser disputadas na próxima quarta-feira (21). O adversário cruzeirense só será definido após o término da rodada das quartas, neste domingo (18).

A FICHA DO JOGO

CRUZEIRO 2

Fábio; Lucas Romero, Dedé, Murilo e Egídio; Henrique e Ariel Cabral; Robinho (Mancuello), Thiago Neves (Arrascaeta) e Rafinha; Raniel (Rafael Sóbis).

Técnico: Mano Menezes

PATROCINENSE 0

Neguete; Ângelo, Diego Borges, Juninho e Mateus Mendes; Mário César, Bruno Moreno, Leomir e Diogo Peixoto (Juninho Arcanjo); Marcelo Régis (Genesis) e Jeferson Berger (Thiago Brito).

Técnico: Wellington Fajardo

DATA: 17 de março

LOCAL: Mineirão

MOTIVO: Quartas de final do Campeonato Mineiro

GOLS: Raniel, aos 7 e 19 minutos do segundo tempo

ARBITRAGEM: Ronei Cândido Alves, auxiliado por Pablo Almeida Costa e Douglas Almeida Costa

CARTÕES AMARELOS: Raniel, Thiago Neves, Ariel Cabral e Rafael Sóbis (Cruzeiro); Bruno Moreno e Leomir (Patrocinense)

PÚBLICO: 13.561 pagantes

RENDA: R$ 326.850,00