O Cruzeiro surpreendeu na tarde desta terça-feira (5). O clube anunciou a contratação de André Mazzuco para o cargo de diretor de futebol. O profissional, de 42 anos, ocupava o cargo de diretor executivo do Vasco até 29 de dezembro, quando foi demitido do cruzmaltino, após um ano e seis meses de trabalho.

Então titular da pasta, Deivid volta a ser diretor técnico, função que exerceu até outubro, quando foi promovido ao cargo de diretor de futebol. 

Com a chegada a Belo Horizonte prevista para a próxima quinta-feira, o novo dirigente terá a missão de já pensar na montagem do elenco para a próxima temporada.

Com 41 pontos, na 13ª posição, o time celeste tem remotíssimas chances de acesso, e já trabalha com a iminente realidade de permanência na Série B por mais um ano.

Entretanto, o ano ruim parece não ter diminuído a motivação e a confiança de André em realizar um bom trabalho na Toca da Raposa II.

“Venho para um Gigante. É um grande privilégio poder estar em um clube como o Cruzeiro, com nove milhões de torcedores apaixonados, uma estrutura fantástica, com condições de trabalho vantajosas para todo profissional do futebol. Vejo que o grande desafio do Cruzeiro é, além de se reorganizar através da gestão profissional que já vem sendo feita pelo presidente Sérgio e toda a equipe, voltar a vencer, retomar as conquistas, algo extremamente fundamental e condizente com a história", disse ele, que ainda acrescentou:

"Isso me motiva bastante. Ao mesmo tempo em que chego para colaborar na organização dos processos e na busca de equilíbrio para esse momento do clube, também chego para buscar conquistas, que é o espírito do cruzeirense e do Cruzeiro, um time muito vencedor que tem na Nação Azul sua grande força. Vamos fazer isso passo a passo e reconquistar nosso espaço”, afirmou Mazzuco, em entrevista ao site oficial do Cruzeiro.

Carreira

André Mazzuco começou a carreira no Coritiba, exercendo a função de gerente das categorias de base, entre 2008 e 2013. Nos dois anos seguintes, trabalhou cargo de superintendente do time principal.

Depois de deixar o clube paranaense, teve passagens como diretor de futebol por Red Bull Brasil, Paysandu, Paraná Clube, até chegar ao Vasco, em junho de 2019.

Mazzuco é o quarto diretor de futebol da Raposa na temporada. De janeiro a março de  2020, a função foi exercida por Ocimar Bolicenho. Na sequência, Ricardo Drubscky (de março a outubro) e Deivid (de outubro a janeiro) ocuparam o cargo.