Ainda é início de trabalho, e é necessário tempo para Felipe Conceição ajustar o Cruzeiro na temporada do centenário. No entanto, a impressão que se tem é que a Raposa regrediu de uma rodada para a outra. Após uma postura agressiva no empate em 1 a 1 com o Uberlândia, no Parque do Sabiá, o time se mostrou desatento no primeiro tempo contra a Caldense – embora tenha tido uma melhora de desempenho na segunda etapa –, nesta quarta-feira (3), o que foi crucial para a derrota por 1 a 0, no Mineirão.

Resultado este que fez os azuis caírem para o nono lugar na classificação, com somente um ponto.

Os dois times voltam a campo no sábado (6). Às 19h, a Caldense recebe a Patrocinense, no Ronaldão, enquanto a Raposa visita a URT, no Zama Maciel, às 21h.

Cruzeiro

O jogo

A Veterana jogou melhor no primeiro tempo, assustando o Cruzeiro em várias ocasiões. Aos 9 minutos, a Caldense chegou ao gol, com Amarildo ganhando de Ramon na velocidade e batendo forte no canto esquerdo de Fábio. Depois disso, a equipe do interior construiu outras boas situações para ampliar e, inclusive, acertou uma bola na trave.

Na segunda etapa, Felipe Conceição promoveu modificações, e a equipe celeste demonstrou uma melhora, mas não foi o suficiente para empatar a partida. Os visitantes souberam se defender e conquistaram um importante triunfo na briga pelo G-4.

A FICHA DO JOGO

CRUZEIRO 0 X 1 CALDENSE

CRUZEIRO
Fábio; Cáceres, Manoel, Ramon e Alan Ruschel (Matheus Pereira); Matheus Neris (Adriano), Matheus Barbosa (Thiago) e Marcinho; Willian Pottker, Felipe Augusto (Airton) e Rafael Sóbis
Técnico: Felipe Conceição

CALDENSE
João Paulo; Danilo Belão, Jonathan, Morais e Verrone; Lucas Silva, Gabriel Tonini (Guilherme Martins), Bruno Oliveira e David Lazari (Rincon); Rafael Peixoto (Dênis) e Amarildo (Guilherme Eulálio)
Técnico: Marcus Grippi

DATA: 3 de março de 2021 (quarta-feira)
ESTÁDIO: Mineirão
CIDADE: Belo Horizonte
MOTIVO: Segunda rodada do Campeonato Mineiro
ARBITRAGEM: Ronei Cândido Alves, auxiliado por Guilherme Dias Camilo e Samuel Henrique Soares Silva
CARTÕES AMARELOS: Eduardo Brock, Alan Ruschel, Manoel e Pottker (Cruzeiro); João Paulo e Danilo Belão (Caldense)
CARTÃO VERMELHO: Felipe Augusto (Cruzeiro); Dênis (Caldense)
GOL: Amarildo aos 9 minutos do primeiro tempo