Como bom mineiro, Elber, alagoano de Passo de Camaragibe, trabalha quieto, pelas “beiradas”. E, agora, pede passagem. Promovido no fim do ano passado, o jovem de 20 anos perdeu espaço no início desta temporada, com a chegada dos reforços. Contudo, vem sendo decisivo para as vitórias da Raposa no Campeonato Mineiro e começa a ameaçar os companheiros mais badalados.

Em três dos sete jogos do Estadual, Elber teve participação fundamental para manter a Raposa no topo da tabela. No último domingo não foi diferente e sua entrada contra a Caldense contribuiu para o vira-vira por 2 a 1. O meia entrou no lugar de Diego Souza e, além de dar mais consistência ofensiva, foi dele o cruzamento preciso para o gol de Ricardo Goulart, que garantiu a vitória e a liderança.

Antes, sua presença já tinha sido primordial contra o Araxá. O time perdia por 1 a 0 e vinha mal. Ele substituiu Dagoberto e, atuando mais à frente, envolveu a defesa adversária. No seu primeiro lance no jogo, provocou a expulsão do zagueiro Carlão.

Com um jogador a mais em campo, o Cruzeiro acabou vencendo por 3 a 2. Contra o Tombense, o meia garantiu a vitória por 3 a 1, com um belo gol.

Persistência

Em alguns jogos deste ano, Elber sequer foi relacionado. Depois de ter o empréstimo cogitado, recuperou seu espaço e, agora, é uma das opções mais utilizadas pelo técnico Marcelo Oliveira. l