Muitos torcedores do Cruzeiro que compareceram ao Mineirão, nesta quarta-feira (22), não conheciam nomes como Adriano, Alexandre Jesus e Thiago. Os três garotos, todos com 18 anos, estrearam no time principal celeste e, ao lado de vários outros jovens, ajudaram a Raposa na vitória sobre o Boa Esporte, por 2 a 0, na primeira partida do Campeonato Mineiro. 

A média de idade dos titulares do Cruzeiro contra a equipe de Varginha foi de 22 anos. O goleiro Fábio, o lateral-direito Edilson, o zagueiro Léo e o meia Rodriguinho, todos com mais de 30 anos, deram o toque de experiência em um time formado, em sua maioria, por garotos recém-promovidos das categorias de base. 

Na próxima rodada, a Raposa enfrentará o Tombense, no sábado (25), às 19h30, no estádio Almeidão, em Tombos. Já o Boa Esporte, no domingo (26), às 11h, receberá o Coimbra, no Melão, em Varginha. 

O jogo

Apesar da pouca experiência da maioria dos jogadores em campo, o Cruzeiro dominou as ações no Gigante da Pampulha. Aos 18 minutos, Maurício cruzou na medida para o centroavante Thiago, de 1,88m, fazer o gol de cabeça. Mas, cinco minutos depois, o atacante sentiu dores musculares e foi obrigado a deixar a partida para a entrada de Judivan. 

Cruzeiro


Com boa movimentação dos jovens Jadsom e Maurício e do experiente Rodriguinho, o Cruzeiro continuou comandando o ritmo do jogo na etapa inicial, mas não conseguiu criar muitas oportunidades para ampliar o placar. 

Cirúrgico 

O cenário do segundo tempo apresentou um Cruzeiro com problemas físicos e um Boa Esporte que esbarrava na fragilidade técnica para chegar ao empate. 

A equipe de Varginha tinha posse de bola e deu ao Cruzeiro a oportunidade de contra-atacar. E, desta maneira, aos 41 minutos, em um rápido contragolpe, Welinton, de 20 anos, marcou o segundo gol da Raposa. 

Mesmo não sendo uma grande exibição celeste, a vitória é muito significativa para um time que busca nos garotos a esperança de reconstrução. 


CRUZEIRO 2 X 0 BOA ESPORTE

Motivo: 1ª rodada do Campeonato Mineiro
Local: Mineirão
Arbitragem: Ronei Cândido Alves, auxiliado por Guilherme Dias Camilo e Leonardo Henrique Pereira
Gols: Thiago aos 18 minutos do primeiro tempo e Welinton aos 41 minutos do segundo tempo para o Cruzeiro
Cartões amarelos: Edilson e Jadsom (Cruzeiro); Gledson e Da Silva (Boa Esporte)
Renda: R$ 149.718,00
Público Total: 9945
Público Pagante: 7774

CRUZEIRO
Fábio; Edilson, Léo, Cacá e Rafael Santos; Jadsom (Edu), Adriano, Maurício e Rodriguinho (Welinton); Alexandre Jesus e Thiago (Judivan)
Técnico: Adilson Batista

BOA ESPORTE
Renan Rocha; Chiquinho Alagoano, Wesley, Fernando Fonseca e Carlinhos; Caio César, Da Silva (Denis), Cesinha (Romário) e Gindre; Léo Goteira (Gledson) e Jefferson
Técnico: Nedo Xavier