Se medir o volante Marciel e o meia Bruno Nazário pelas referências dos dois jogadores na profissão, o torcedor do Cruzeiro tem motivos para ficar entusiasmado.

Recém-contratados, os dois foram apresentados oficialmente nesta segunda-feira (1º) como novos reforços do clube e disseram se inspirar em grandes ídolos para brilhar com a camisa azul.

Marciel chegou ao Cruzeiro por empréstimo de um ano, em uma troca envolvendo o volante Willians. Natural de Porto Alegre, o jovem de 20 anos se espelha no meia argentino Riquelme para conquistar um espaço na equipe do técnico Deivid.

“Estou muito feliz de estar aqui. Meu estilo de jogo é de marcação. Eu gosto de tocar bola e de arrancar com ela do meio-campo. Não me espelho em ninguém hoje em dia. Eu gostava de ver o Riquelme jogando”, declarou o jogador.

Nazário, por sua vez, assinou contrato com a Raposa por empréstimo de 18 meses. Com passagem pelo futebol alemão e polonês, o jogador de 21 anos revela que o sobrenome Nazário é uma feliz coincidência, já que sua grande inspiração é o ex-atacante Ronaldo, que teve passagem pelo time celeste no início dos anos 90 antes de despontar para o mundo.

“Esse Nazário no meu nome não é por acaso (risos). Ele e o Ronaldinho Gaúcho são minhas principais referências. Ambos fizeram história. Os dois para mim são maestros. O Ronaldinho é aquela alegria que coloca em campo, e o Ronaldo nem se fala”, disse o meia.