As contusões musculares seguem como uma marca da passagem do meia Júlio Baptista pela Toca da Raposa II. Após entrar no segundo tempo do empate por 1 a 1 com o Avaí, sábado (31), na Ressacada, em Florianópolis, o jogador reclamou de dor na coxa direita. Nesta terça-feira (3), o jogador fez um exame de imagem e o resultado será divulgado pelo clube na manhã desta quarta-feira (4).

Depois de passar quase toda a temporada sem atuar, por causa de uma cirurgia no joelho direito, Júlio Baptista voltou há cerca de dois meses a fazer parte do grupo do técnico Mano Menezes, mas pouco foi aproveitado.

Sempre como reserva, ele entrou na vitória de 2 a 0 sobre o Coritiba, em 27 de setembro, no Mineirão. A intenção de Mano Menezes era lançá-lo como titular uma semana depois, dia 4 de outubro, contra o Grêmio, também no Gigante da Pampulha, mas ele se machucou no último treino antes da partida.

O retorno, depois de ausências contra além do Grêmio, Atlético-PR, Fluminense Goiás, aconteceu no último sábado (31), mas uma nova lesão coloca em risco sua participação na partida contra o São Paulo, domingo (8), às 17h, no Mineirão, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.