O presidente do Cruzeiro, Gilvan de Pinho Tavares, confirmou que o clube acertou as contratações do meia Sanchez Miño, que pertencia ao Torino-ITA e estava emprestado ao Estudiantes, da Argentina, e do atacante Douglas Coutinho.

“Já fizemos o planejamento para 2016 e estamos executando, sem deixar de trabalhar nenhum dia para armar uma equipe que possa nos trazer títulos. Já temos dois jogadores acertados, que é o Douglas Coutinho e o Sanchez Minõ”, disse Gilvan, em entrevista à rádio Itatiaia.

Douglas Coutinho chega por empréstimo junto ao Atlético-PR até o final do ano. Em troca, o zagueiro Paulo André seguirá para Curitiba.

Já Sanchez Miño foi contratado pela Raposa por empréstimo de um ano junto ao Torino.

Além dos dois reforços, o Cruzeiro está perto de anunciar a contratação do volante Gustavo Cuéllar, que pertence ao Deportivo Cali, mas está emprestado ao Junior Barranquilla até julho. O clube estrelado já acertou as bases salariais com o atleta, de 23 anos, e negocia agora a forma como o jogador irá se transferir para a Toca da Raposa. A A tendência é que Cuéllar seja emprestado ao Cruzeiro até o fim de 2016.

Quem também está próximo de assinar com a Raposa é o meia argentino Matías Pisano. Como o Independiente, dono dos direitos do jogador, tem uma dívida de cerca de US$ 700 mil com o Cruzeiro referente ao empréstimo do atacante Ernesto Farías ao clube argentino, a agremiação estrelada negocia como será a compra do meia, de 24 anos.

Para liberar o atleta, o Independiente pede US$ 2 milhões pelos 50% dos direitos econômicos. Os demais 50% pertencem ao Chacarita Juniors, clube formador do atleta, e não estão em pauta nas conversas.

“Estamos trabalhando forte para a reforçar equipe mais ainda”, frisou Gilvan. "Pode ser que chegue mais. Estamos trabalhando para isso. Estamos todos reunidos para dar sequencia nesse planejamento. Torcida pode esperar que pode chegar mais reforços. A gente pode anunciar que esses dois são reforços estão fechados", concluiu.