Contratado para ser um "cão de guarda", o volante Nilton foi oficialmente apresentado como mais novo reforço do Internacional na tarde desta sexta-feira (9). Com a receita de ser campeão que adquiriu nos tempos de Cruzeiro, onde levantou em duas oportunidades o caneco do Brasileirão e em uma a taça do Campeonato Mineiro, o atleta prometeu empenho para se tornar um "gigante" no clube colorado.
 
"Quero muito honrar esta camisa. O profissionalismo do Inter e o projeto para este ano pesou muito para minha vinda. Terei a oportunidade de mostrar o meu trabalho à torcida do Inter. Quero ser um gigante aqui. Espero conquistar títulos importantes. Degrau a degrau, vamos buscar o topo”, afirmou o atleta, em entrevista coletiva.
 
Primo de um ex-jogador colorado, o também volante Edinho, Nilton quer honrar a tradição da família no Rio Grande do Sul. "Meu primo jogou aqui e desde aquela época ele falava do Inter. Isso foi alimentando a minha vontade de jogar aqui. O taxista até achou que eu era o Edinho, mas falei que não, que 'sou mais bonito'. Vou tentar animar um pouco aqui, mostrar o meu jeito. É uma família que está se formando", afirmou.
 
Conhecido pela raça e vigor físico, Nilton explicou seu estilo dentro de campo para os colorados. "Espero fazer aquilo que todos conhecem de mim: marcação forte, pegada. Os torcedores daqui gostam disso e vão ver isso. Também gosto de ser um elemento surpresa, pois os volantes podem ajudar os meias a ajudar na frente", completou.