Quis o destinho que, pela segunda rodada seguida, Rafinha, Marquinhos Gabriel e Rodriguinho, formassem o trio do meio de campo do Cruzeiro. Titulares na vitória da Raposa sobre o Villa Nova, pela 5ª rodada do Campeonato Mineiro, os atletas começaram jogando mais uma vez, neste domingo (10), no triunfo sobre o Tupynambás, pela 6ª rodada.

Não era essa a intenção inicial de Mano Menezes, mas o treinador celeste perdeu Thiago Neves, que sentiu, durante o treino da véspera, um estiramento na panturrilha direita e fica de fora do time por um tempo. Já Robinho desfalcou o time por necessidade de aprimorar a parte física.

O time não sentiu muito a falta dos titulares, e tanto Marquinhos Gabriel quanto Rafinha tiveram motivos a mais para comemorar. Com boas atuações, eles foram fundamentais para a boa vitória celeste. A Raposa é vice-líder do Estadual.

MVP

Melhor em campo, Rafinha fez o terceiro gol do time e ainda deu a assistência que fez com que Rodriguinho fizesse seu primeiro gol com a camisa celeste. Para ele, que já sofreu com com lesões, momentos de sequência são essenciais, mas o que importa, é o time estar atuando bem.

“Independente de lesões, a gente sempre torce para o Cruzeiro ter a disposição todos os jogadores, para que, a cada jogo, nosso time fique mais fortalecido. A gente sabe que futebol tem disso né? Thiago infelizmente sofreu uma lesão na panturrilha ontem no treino. Espero que ele possa se recuperar logo", comentou.

Para o meia, começar jogando não interfere em sua dedicação ao Clube. "Eu vou continuar trabalhando, independente se eu possa começar jogando ou não. Já falei. Eu quero fazer parte do grupo, quero ajudar o Cruzeiro independente se eu começar jogando ou no decorrer do jogo. Eu vou ajudar", afirmou.

Entrosamento

Enquanto isso, Marquinhos Gabriel aproveita as oportundades em campo para se firmar como apoio a Egídio. Após a vitória deste domingo, o meia comentou que tem conseguido auxiliar melhor na cobertura da defesa celeste junto do lateral.

"A gente precisa estar ajudando. O Egídio me ajuda lá na frente, então na parte defensiva eu ajudo ele também. A gente tem feito bem isso e conforme o tempo vai passando a agente vai encaixando melhor ainda", comentou.

BELO HORIZONTE / BRASIL (10.02.2019) Cruzeiro x Tupynambás

O próximo jogo do Cruzeiro é o clássico contra o América, no domingo (17), às 17h, no Independência. Para Marquinhos Gabriel, a semana de treinos será essencial para a correção de deficiências na equipe.

"A gente errou um pouquinho nessa bola por dentro no primeiro tempo (da vitória sobre o Tupynambás) que fez com que a equipe adversária tivesse um contra-ataque ali sem necessidade. Acho que esses detalhezinhos a gente pode acertar para chegar no clássico bem forte", avaliou.

Leia Mais:
Cruzeiro vence fácil o Tupynambás e desafia o América pela liderança domingo