O volante Tchê Tchê está fora do duelo com o São Paulo, neste domingo (13), às 16h, no Mineirão, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

Para contar com o meio-campista diante do Tricolor Paulista, o Galo teria que desembolsar R$1 milhão, como previsto em uma cláusula no contrato de empréstimo.

Após a vitória por 2 a 1 sobre o Remo, nessa quarta, no Gigante da Pampulha, pela Copa do Brasil, o técnico Cuca, entusiasta do futebol do jogador, confirmou que o Alvinegro não vai desembolsar a quantia.

“Não vai ser pago (o valor da multa). Uma cláusula de R$1 milhão para ele pode jogar. Hoje, dinheiro está difícil para todo mundo, não é assim. Então, não vai jogar. Vamos estudar outras opções. Infelizmente o Zaracho também não vai poder. Vamos estudar a partir de amanhã, ver a reapresentação do pessoal. Vamos ver o que a gente escolhe de melhor para esse compromisso de domingo, que é jogo duro, jogo difícil, mas é jogo bom", disse o treinador, em entrevista coletiva. 

Contratado no início de abril, Tchê Tchê foi cedido ao Galo pelo São Paulo até maio de 2022, com passe fixado, caso o Alvinegro deseje adquirir o jogador em definitivo após o encerramento do empréstimo. 

Desde que chegou ao Galo, Tchê Tchê atuou em 15 dos 17 jogos que o time disputou, sempre como titular.

Opções

Citado por Cuca, o argentino Zaracho teve o diagnóstico de Covid-19 divulgado pelo Atlético nessa quarta, e se tornou desfalque para os próximos jogos.

Convocado pela seleção equatoriana para a Copa América, Allan Franco, outro potencial substituto de Tchê Tchê, também está fora do confronto de domingo.

Com isso, o principal candidato a iniciar jogando diante do São Paulo é Jair, que formaria o trio no meio-campo com Allan e Nacho Fernández.

Alternativas como Nathan, Dylan Borrero e Calebe, testados na função em outras oportunidades, correm por fora na disputa pela vaga de Tchê Tchê.

Os jovens Neto e Iago são as outros volantes à disposição no elenco alvinegro.

Leia mais

Dodô agradece à diretoria e à Massa pelo apoio, após passar por período nebuloso

Com gols de Réver e Hulk, Atlético volta a vencer o Remo e se garante nas oitavas da Copa do Brasil

Hulk iguala marca de Keno e alcança outros números expressivos pelo Atlético