Chegou a hora de conhecer os campeões do GP Gerais, o Mineiro de Motovelocidade. No domingo (6), o Circuito dos Cristais, em Curvelo, recebe a quinta e última etapa da competição, com direito a um atrativo extra.

Se a disputa já reúne pilotos de todo o país, o fim de semana também vale como quarta etapa do Campeonato Brasileiro. Promessa de nível técnico ainda mais elevado nas várias categorias.

A pontuação aumentada da etapa decisiva mantém a luta em aberto em várias classes. Na Supersport 600cc, Toninho Franzen soma 72 pontos, 10 a mais do que Régis Santos, com 30 em disputa. Na divisão Master das Superbikes 1.000cc, equilíbrio ainda maior, com destaque para o duelo em família. Tricampeão, Jirios Abboud soma 88 pontos, uma mais do que o irmão, Michel.

Com o grid mais numeroso do campeonato, a Supersport 300cc também chega à prova decisiva com o título em aberto. Diogo Hilel é o líder, com 80 pontos, seguido por Igor Monteiro (65). A Sport 300 (para motos com preparação restrita) já tem campeão: Rodrigo Gregório não pode mais se alcançado pelos rivais. Na Superbike 1.000cc, que reúne as motos mais rápidas do campeonato, o título pode ser definido no treino oficial. Se garantir a pole, o paulista Danilo Lewis sequer precisará pontuar na corrida. Em busca do bicampeonato brasileiro com a BMW da equipe Tecfil, ele se mostra disposto a manter a invencibilidade no GP Gerais. Ronan Dias, na Superbike Evo, tem a vitória geral garantida por antecipação.

Já na Light 1.000cc (para pilotos com menor experiência ou que começam carreira na motovelocidade), Lucas Cavalcanti lidera e está muito próximo de se sagrar campeão. Vítor Oliveira chega ao fim de semana decisivo com chances apenas matemáticas.

Nacional
Se ainda restará uma prova no Brasileiro, em Goiânia (11 de dezembro), os mineiros têm boa chance de se valer da intimidade com os 4.020m do Circuito dos Cristais para se manter na briga. Na Superbike Master, Jirios Aboud tem 19 pontos de vantagem para o goiano Fernando Sobral e pode até mesmo fechar o campeonato por antecipação.

Já Franzen é vice-líder na Supersport 600cc, 10 pontos atrás do paulista Michel Velludo.

Leia mais sobre automobilismo e motociclismo no site Racemotor (https://www.racemotor.com.br)

 

RÁPIDAS

THIAGO TAMBASCO CONQUISTA TÍTULO

DO TURISMO NACIONAL NA CLASSE 1A

Saldo positivo para os pilotos mineiros na sexta e decisiva etapa do Turismo Nacional, em Cascavel (PR). Thiago Tambasco confirmou o título na classe 1A com o Chevrolet Onix #461 da equipe Líder BH, com direito a vitórias em três das quatro corridas do fim de semana. Na classe 1 Super, Wanderson e Leandro Freitas (VW Gol #77/Contagem Motor Peças) foram ao alto do pódio na segunda corrida e terminaram a temporada em quarto lugar – estreavam na categoria para os modelos fabricados após 2017, depois de dois títulos consecutivos na classe 2. Gustavo Mascarenhas ficou com a terceira posição final a bordo do Fiat Uno #87 da equipe Curvel. Em 3 de novembro vários mineiros voltam à pista paranaense para mais uma Cascavel de Ouro, disputa em duplas com premiação de R$ 150 mil para os vencedores.

RAFA MATOS VOLTA À PISTA EM AUSTIN POR

CHANCE DE BICAMPEONATO NA TRANS-AM

Um problema mecânico provocado por um toque do líder do campeonato Marc Miller tirou, do mineiro Rafa Matos, a chance de vencer a quarta prova consecutiva na Trans-Am Series. Com isso, as chances de bicampeonato na classe TA2 ficaram mais remotas. Ainda assim, o piloto de Belo Horizonte promete luta enquanto a matemática mantiver uma esperança. Neste fim de semana, ele busca voltar ao alto do pódio no Circuit of the Americas, em Austin, na nona etapa da temporada, com o Chevrolet Camaro #87 da 3Dimensional/Coleman Motorsports.

MINEIROS FAZEM PROVA-TESTE PARA A

COPA BRASIL DE KART EM SANTA CATARINA

Depois do RBC Racing, em Vespasiano, é a vez de o Kartódromo Beto Carrero World, em Penha (SC), sediar a Copa Brasil de Kart. A partir do dia 7, pilotos de todo o país brigam pelos títulos nas várias categorias. E no último fim de semana, a pista recebeu um Open preparatório para a competição nacional, em conjunto com a última etapa da Copa SPR Light. Os mineiros mostraram que chegam mais uma vez fortes. Lucas Staico, atual campeão brasileiro e representante brasileiro na disputa da FIA Academy, venceu uma das baterias e terminou em quinto na Júnior. Lucas Moura ficou entre os 10 primeiros na Cadete, categoria em que é campeão mineiro.